Busca avançada
Ano de início
Entree

Cintia Okamura

CV Lattes ORCID


Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB)  (Instituição Sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Possui graduação em Ciências Sociais e mestrado em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC-SP, Master em Psicologia Ambiental pela Université René Descartes - Paris V, França, doutorado em Psicologia Social pela Universidade de São Paulo IPUSP. Atualmente desenvolve ações de apoio às Agências Ambientais da CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) no que se refere à interface com a população, licenciamento ambiental, comunicação e cultura de risco, plano de preparação da comunidade em situações de risco, participação, educação ambiental, entre outros. É responsável pela análise e elaboração de procedimentos e metodologia de acompanhamento para o meio antrópico, tendo introduzido roteiros para elaboração de Planos de Comunicação e Participação Social e Programas de Educação Ambiental nos processos de licenciamento ambiental. Coordenou o Projeto FAPESP sobre Comunicação e Cultura de Riscos e coordenou o Grupo de Trabalho que elaborou a Norma Técnica CETESB P4.003 Plano de Preparação das Comunidades Expostas a Risco Tecnológico (publicada no Diário Oficial de 25/09/2021). É pesquisador responsável pelo Projeto FAPESP sobre Gestão Integrada e Participativa na Área de Proteção e Recuperação da Bacia Hidrográfica do Reservatório Guarapiranga. Coordena processos participativos, buscando criar e fortalecer parcerias entre o poder público, iniciativa privada e sociedade civil para a construção de políticas públicas para o desenvolvimento sustentável. É pesquisadora fundadora do LAPSI Laboratório de Psicologia Socioambiental e Intervenção da USP, tendo desenvolvido pesquisas no campo do estudo da relação pessoa-ambiente e pesquisadora do NARA Núcleo de Pesquisas em Avaliação de Riscos Ambientais da Faculdade de Saúde Pública da USP. Desde 2002, vem trabalhando, em cooperação com a França, no campo das ambiências urbanas, tendo participado de vários projetos de cooperação internacional e tendo sido responsável pela introdução do tema, em especial na CETESB e outros órgãos ambientais, que criou um Grupo de Trabalho para a formulação e promoção de uma nova política pública por meio de processos participativos tendo a noção de ambiência como marco conceitual. Faz parte da Rede Internacional das Ambiências, coordenado pelo Laboratório Cresson (Centre de Recherche sur l Espace Sonore et l Environnement Urbain). Tem experiência na área de Sociologia e Psicologia, com ênfase em Psicologia Ambiental, atuando principalmente nos seguintes temas: meio ambiente, psicologia ambiental, relação pessoa-ambiente, percepção ambiental, intervenção ambiental, ambiências urbanas, processos participativos, agenda 21, avaliação de impacto socioambiental, educação ambiental, comunidades em situação de risco, comunicação e cultura de risco, ocupações urbanas e espaços públicos. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 28/01/2023
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: