Busca avançada
Ano de início
Entree

Marcos Antônio de Oliveira

CV Lattes GoogleMyCitations ORCID


Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Instituto de Biociências (IBB)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Marcos Antonio de Oliveira é Bacharel em Zootecnia, formado pela Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), no Campus Universitário de Pontes e Lacerda. Possui Mestrado (2014) e Doutorado (2019) em Aquicultura – Biologia de Organismos Aquáticos pelo Centro de Aquicultura da UNESP, Jaboticabal/SP. Atua nas seguintes áreas: histologia das gônadas de peixes teleósteos, espermatogênese em peixes teleósteos, controle endócrino e parácrino das células germinativas e somáticas, morfologia/morfometria testicular, espermatogônias tronco e marcadores moleculares para células com capacidade tronco em testículos, duração do ciclo espermático e regulação do Hormônio Anti-Mülleriano em peixes teleósteos e transplante de células germinativas. Atualmente trabalha com a técnica de edição de genomas, CRISPR/Cas9 no intuito de estudar o papel de diferentes genes durante o período de diferenciação sexual em peixes teleósteos, usando como modelo experimental o medaka (Oryzias latipes). Os estudos são realizados com técnicas histológicas para identificar as células germinativas primordias (PGC). Também estuda os fatores ligados a regeneração óssea em nadadeiras de zebrafish utilizando A técnica CRISPR/Cas9. A técnica CRISPR/Cas9.foi desenvolvida e aperfeiçoada no "Department of Physiological Chemistry at the Biocenter of the University of Wuerzburg", Alemanha, durante o período de estágio sanduíche (2015-2017). Durante a permanência na Alemanha, participou de diversos trabalhos de pesquisa relacionados a genes de determinação sexual em diferentes espécies de peixes do mundo. Em 2018, recebeu o prêmio de melhor trabalho apresentado no VII International Symposium on Animal Biology of Reproduction - ISABR, na cidade de Aracaju. Atualmente realiza Pós-doutorado no Departamento de Morfologia do Instituto de Biociências de Botucatu, UNESP. É professor substituto no Departamento de Ciências Biológicas da Faculdade de Ciências de Bauru, UNESP, onde ministra a disciplina de Biologia Celular com carga Horária de 60 horas. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 21/11/2020
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações resultantes de Auxílios e Bolsas sob responsabilidade do(a) pesquisador(a) (2)

(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)

Publicações2
Citações0
Cit./Artigo0,0
Dados do Web of Science

MARTINEZ-BENGOCHEA, A.; DORETTO, L.; ROSA, I. F.; OLIVEIRA, M. A.; SILVA, C.; SILVA, D. M. Z. A.; SANTOS, G. R.; SANTOS, J. S. F.; AVELAR, M. M.; SILVA, V, L.; et al. Effects of 17 beta-estradiol on early gonadal development and expression of genes implicated in sexual differentiation of a South American teleost, Astyanax altiparanae. COMPARATIVE BIOCHEMISTRY AND PHYSIOLOGY B-BIOCHEMISTRY & MOLECULAR BIOLOGY, v. 248, . Citações Web of Science: 0. (14/07620-7, 16/12101-4, 18/10265-5, 14/25313-4)

DU, KANG; WUERTZ, SVEN; ADOLFI, MATEUS; KNEITZ, SUSANNE; STOECK, MATTHIAS; OLIVEIRA, MARCOS; NOBREGA, RAFAEL; ORMANNS, JENNY; KLOAS, WERNER; FERON, ROMAIN; et al. The genome of the arapaima (Arapaima gigas) provides insights into gigantism, fast growth and chromosomal sex determination. SCIENTIFIC REPORTS, v. 9, . Citações Web of Science: 0. (14/25313-4, 14/50602-0, 15/15631-1, 14/07620-7)

Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

OLIVEIRA, Marcos Antônio de. O papel do Amh na diferenciação sexual e na gametogênese de peixes teleósteos. Tese (Doutorado) -  Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias.  (14/25313-4

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: