Busca avançada
Ano de início
Entree

Brenda Mistral de Oliveira Carvalho Bittencourt

CV Lattes


Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Instituto de Biociências (IB)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Doutoranda em Ciências Biológicas (Biologia Vegetal) pelo Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP, campus de Rio Claro); Mestre em Ciências Biológicas (Biologia Vegetal) pelo Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP, campus de Rio Claro), em 2018; Bacharela em Biotecnologia pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar, campus de Araras/SP) em 2015; Foi aluna de Iniciação Científica no Instituto de Biociências da UNESP, onde desenvolveu três projetos na área de Ecofisiologia Vegetal (2013 a 2015); Realizou estágio na School of Biological Science da Washington State University (Pullman/WA - EUA), onde participou da elaboração, condução e análise de dados de projeto de pesquisa na área de Fisiologia Vegetal (2015); Foi estagiária no Programa de Melhoramento Genético da Cana-de-açúcar (PMGCA/Ridesa) do Departamento de Biotecnologia e Produção Animal e Vegetal da UFSCar (2014); Fez estágio na Empresa Júnior de Sustentabilidade em Biotecnologia Sustec Jr. (UFSCar), atuando no departamento Jurídico-Financeiro (2013-2014); Participou como voluntária de atividade de extensão desenvolvida pela UFSCar (2014). Linhas de Pesquisa: Ecofisiologia vegetal, estresse por Alumínio em plantas cultivadas, mecanismos de tolerância ao Al em plantas nativas do Cerrado. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 18/01/2020
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações resultantes de Auxílios e Bolsas sob responsabilidade do(a) pesquisador(a) (1)

(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)

SILVA, CAROLINA M. S.; CAVALHEIRO, MARIANA F.; BRESSAN, ANNA C. G.; CARVALHO, BRENDA M. O.; BANHOS, OTAVIA F. A. A.; PURGATTO, EDUARDO; HARAKAVA, RICARDO; TANAKA, FRANCISCO A. O.; HABERMANN, GUSTAVO. Aluminum-induced high IAA concentration may explain the Al susceptibility in Citrus limonia. Plant Growth Regulation, v. 87, n. 1, p. 123-137, . Citações Web of Science: 0.

Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

BITTENCOURT, Brenda Mistral de Oliveira Carvalho. Os mecanismos de tolerância ao alumínio em Styrax camporum envolvem síntese e secreção de ácidos orgânicos?. 2018. 31f. Dissertação (Mestrado) - . Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro).

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: