Busca avançada
Ano de início
Entree

Angela Maria Carneiro Araújo

CV Lattes GoogleMyCitations ORCID


Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade de Brasília (1975), doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (1994), pós-doutorado pela University of Manchester. (2001) e pós-doutorado pelo Centre de Recherches Sociologiques et Politiques de Paris (2012). Foi Vice-presidente da Associação Latino America de Estudos do Trabalho, de maio de 2010 a julho de 2013. Atualmente é professora doutora da Universidade Estadual de Campinas, pesquisadora do PAGU - Núcleo de Estudos de Gênero. Membro do Grupo de Pesquisa "Trabalho, Precarização e Cooperativismo". Presidente Da Associação Brasileira de Estudos do Trabalho ?ABET?, desde 31 de outubro de 2013. Tem experiência nas áreas de Ciência Política e Sociologia do Trabalho, atuando principalmente nos seguintes temas: relações de gênero e trabalho, reestruturação produtiva, sindicalismo, informalidade, cooperativismo e economia solidária. (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 15/02/2020
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

TOITIO, Rafael Dias. Cores e contradições : a luta pela diversidade sexual e de gênero sob o neoliberalismo brasileiro. 2016. Tese (Doutorado) – Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas.

DURÃES, Bruno José Rodrigues. "Camelô de tecnologia" ou "Camelô Global" : novas formas de expansão do capital na rua. 2011. Tese (Doutorado) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

FILGUEIRAS, Vitor Araújo. Explicando a desunião : a pulverização sindical no Brasil apos a promulgação da Constituição de 1988. 2008. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

ARAUJO, Juliana Vieira. Controle do processo de trabalho e construção do consentimento : percepção operaria na industria de eletrodomesticos de linha branca. 2009. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

SANTOS, Glicia Vieira dos. Globalização, estrategias gerenciais e trabalhadores : um estudo comparativo da industria brasileira de celulose. 2005. Tese (Doutorado) – Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

AMORIM, Elaine Regina Aguiar. No limite da precarização? : terceirização e trabalho feminino na industria de confecção. 2003. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas. Universidade Estadual de Campinas.

ABREU, Maira Luisa Gonçalves de. Feminismo no exílio : o círculo de mulheres brasileiras em Paris e o grupo latino-americano de mulheres em Paris. 2010. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

FIGUEIREDO, Mariana Leite. Uma alternativa sindical? : a negação do "propositivismo" no sindicalismo metalurgico paulista. 2007. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: