Busca avançada
Ano de início
Entree

André Luiz Barros da Silva

CV Lattes GoogleMyCitations


Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Guarulhos. Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Professor adjunto -- UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo). Letras. Doutorado com tese sobre as transformações da sensibilidade no século XVIII, na França e na Inglaterra, incluindo debates teóricos sobre o surgimento do romance e sobre a constituição de certo "realismo" que, por algum momento, teve grande prestígio na literatura ocidental. Cinco anos como professor adjunto na UNIFESP, de 2009 a 2014. Três anos como professor de Teoria da Literatura na UERJ, de 2015 ao final de 2017. Pós-doutorado sobre o personagem libertino entre França e Inglaterra. Campos de atuação: teoria da literatura, literatura francesa (sécs. XVII-XVIII) ? relações interculturais, literatura brasileira (Machado, Pompéia). Romance como gênero da modernidade. Literatura de libertinagem. Machado de Assis. Diderot. Richardson. Sade. Foi editor da revistas Bravo!, República e Oi; foi jornalista de cultura na Veja-Rio (1992-3), no Jornal O Dia (1993-4), no Jornal do Brasil (1994-7), no Jornal Valor (2000-4). É tradutor, do inglês e do francês, para editoras como Carambaia, Jorge Zahar, Imago e Record. (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números  
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: