Busca avançada
Ano de início
Entree

Maria Suely Kofes

CV Lattes


Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Antropóloga, Professora Titular no Departamento de Antropologia, IFCH, Unicamp. A antropologia é o campo de conhecimento no qual todas as minhas titulações foram obtidas, embora eu tenha me licenciado em História pela UFGO. A Universidade tem sido o lugar das minhas atividades profissionais como antropóloga, enquanto pesquisadora e professora de antropologia comprometida com a formação de antropólogos (isto é, para citar livremente Strathern, com a "reprodução criativa da antropologia". Nesta axe se sustenta o movimento da minha vida acadêmica e profissional. No que concerne às minhas pesquisas antropológicas, eu tenho mantido uma preocupação com a teoria antropológica e experimentação etnográfica, com pesquisas sobre temas distintos e em campos etnográficos distintos. Como, por exemplo, etnografia e a perspectiva biográfica; trajetória, experiência e narrativa; antropologia, estudos da cultura e teoria social; processos de diferenciação e reconhecimentos( temas concernentes ao campo dos estudos sobre raça e gênero); ritual, cosmologia, associativismo e política. Mais explícitos em umas, menos em outras, três temas são constantes em minhas pesquisas. A relação entre narrativas biográficas e etnografia (antropológica); a pesquisa como experiência e como método; e, relacionados, a expressão "gráfica" nas/das pesquisas. Sobre estes temas tenho me dedicado agora, em cursos, seminários, conferências, e publicações. Retomando aspectos das pesquisas anteriores, mas já me abrindo para outra, em processo e preparação. Com alguns colegas sedimentei uma área de pesquisa que se intitula "Modos de conhecimento e suas expressões: Experiências, Narrativas e Trajetórias", que se assenta na interface entre ciência, arte, ofícios, e literatura. Criei no Departamento de Antropologia, com a pos-doutora sob a minha supervisao, Fabiana Bruno, no final de 2014, no IFCH, Unicamp, o Laboratório Antropológico de Grafia e Imagem para incentivar pesquisas que aceitem o desafio de incorporar e discutir distintas grafias, grafismos e imagens. Sou licenciada em História pela UFGO, com Mestrado em Antropologia Social pela UNICAMP ("Entre nós os pobres, eles, os negros"). Iniciei o doutorado na École des Hautes Études, em Paris (onde obtive o D.E. A) e o finalizei na USP (onde defendi a tese "Mulher: Mulheres: Diferença e Identidade nas armadilhas da Igualdade e Desigualdade: interação e relação entre patroas e empregadas domésticas"). Obtive o título de Livre-Docência através de concurso na Unicamp, com a tese "Uma trajetória, em narrativas". As teses de Doutorado e de Livre-Docência foram publicadas. Realizei um Pós-Doutorado, entre 1999/2000, na qualidade de Visiting Professor na Universidade Autônoma de Barcelona e na Universidade de Cambridge e entre novembro e fevereiro de 2006-2007, em visita breve à University of Illinois e à EHESS. Sou membro da Associação Brasileira de Antropologia (ABA); do Claire Hall College (Cambridge) e da AAA (EUA); publiquei três livros: (2015) Dilemas na Maçonaria Contemporânea (2001); "Mulher, Mulheres: Identidade, Diferença e Desigualdade na relação entre patroas e empregada", Editora da Unicamp, Campinas. (2000) "Uma trajetória, em narrativas". Organizei com Daniela Manica coletânea "Vida&Grafias" (2015) no qual escrevi o artigo introdutório. Considero importantes o meu trabalho na formação de antropólogos e os cursos que ofereço. Entre as disciplinas que ofereci , eu citaria: Antropologia Política: noções de político e de poder e alteridade como desafio para a constituição e análise do político; História e Teoria Antropológica; Estruturalismo e pós-estruturalismo; Mito e Ritual ; Embates entre Antropologia Social e Estudos Culturais; Etnografia em Sociedades Modernas; Teoria e Hist. da Antropologia; Diferença e Identidade; Os embates teóricos obre Relação e outros supostos relacionais; Narrativas biográficas e Etnográficas. (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Apoio FAPESP em números*
*Quantidades atualizadas em 08/12/2018
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: