Busca avançada
Ano de início
Entree

Maria Nathália de Carvalho Magalhães Moraes Figueira Borges

CV Lattes


Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas (ICB)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Graduada em ciências biológicas pelo CES/JF (2008), com mestrado (2010) e doutorado (2014) em Fisiologia pelo Departamento de Fisiologia do Instituto de Biociências (IB) da Universidade de São Paulo (USP), ambos projetos financiados pela FAPESP. Realizou pós-doutorado no mesmo departamento financiado pela FAPESP (2017) com período de estágio na Universidade da Virgínia (UVa, Estados Unidos) onde adquiriu experiência na condução de experimentos em cronobiologia através de uso de ferramentas para análise de parâmetros rítmicos em modelos animais nocaute. Atualmente desenvolve projeto de pesquisa com financiamento Jovem Pesquisador-FAPESP e Universal CNPq no laboratório de Neurobiologia coordenado pelo professor José Cipolla Neto no departamento de Fisiologia e Biofísica do Instituto de Ciências Biomédicas da USP. É professora responsável da disciplina de pós-graduação (mestrado e doutorado) Sinalização Celular IB-USP. Atua como pesquisadora colaboradora junto ao laboratório de Fisiologia Comparativa da Pigmentação no IB-USP. Experiência na área de fisiologia geral nos seguintes temas: biologia molecular através da análise de expressão gênica e proteica, estudo de vias de sinalização intracelular, cultura de células imortalizada e primária, métodos de transfecção plasmidial e RNA de interferência, (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 07/12/2019
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações resultantes de Auxílios e Bolsas sob responsabilidade do(a) pesquisador(a) (4)

(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)

Publicações4
Citações49
Cit./Artigo12,3
Dados do Web of Science

MONTEIRO DE ASSIS, LEONARDO VINICIUS; KINKER, GABRIELA SARTI; MORAES, MARIA NATHALIA; MARKUS, REGINA P.; FERNANDES, PEDRO AUGUSTO; DE LAURO CASTRUCCI, ANA MARIA. Expression of the Circadian Clock Gene BMAL1 Positively Correlates With Antitumor Immunity and Patient Survival in Metastatic Melanoma. FRONTIERS IN ONCOLOGY, v. 8, . Citações Web of Science: 4.

DE ASSIS, L. V. M.; MORAES, M. N.; DA SILVEIRA CRUZ-MACHADO, S.; CASTRUCCI, A. M. L.. The effect of white light on normal and malignant murine melanocytes: A link between opsins, clock genes, and melanogenesis. BIOCHIMICA ET BIOPHYSICA ACTA-MOLECULAR CELL RESEARCH, v. 1863, n. 6, A, p. 1119-1133, . Citações Web of Science: 20.

RAMOS, BRUNO C. R.; MORAES, MARIA NATHALIA C. M.; POLETINI, MARISTELA O.; LIMA, LEONARDO H. R. G.; CASTRUCCI, ANA MARIA L.. From Blue Light to Clock Genes in Zebrafish ZEM-2S Cells. PLoS One, v. 9, n. 9, . Citações Web of Science: 18.

MONTEIRO DE ASSIS, LEONARDO VINICIUS; MORAES, MARIA NATHALIA; MAGALHAES-MARQUES, KEILA KAROLINE; DE LAURO CASTRUCCI, ANA MARIA. Melanopsin and rhodopsin mediate UVA-induced immediate pigment darkening: Unravelling the photosensitive system of the skin. EUROPEAN JOURNAL OF CELL BIOLOGY, v. 97, n. 3, p. 150-162, . Citações Web of Science: 7.

Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

BORGES, Maria Nathália de Carvalho Magalhães Moraes Figueira. Efeito da luz e endotelina no mecanismo molecular do relógio em melanóforos de Xenopus laevis. 2014. Tese (Doutorado) – Instituto de Biociências. Universidade de São Paulo (USP). São Paulo.

BORGES, Maria Nathália de Carvalho Magalhães Moraes Figueira. Efeito da endotelina sobre a expressão gênica das melanopsinas (Opn4x e Opn4m) e do receptor de endotelina, subtipo ETc, em melanóforo de Xenopus laevis. 2010. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Biociências. Universidade de São Paulo (USP). São Paulo.

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: