Busca avançada
Ano de início
Entree

Patricia Sayuri Silvestre Matsumoto

CV Lattes GoogleMyCitations ResearcherID ORCID


Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Instituto Adolfo Lutz (IAL)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Pós-doutoranda no Centro de Parasitologia e Micologia do Instituto Adolfo Lutz/Central, São Paulo, Brasil. Geógrafa, Mestra e Doutora em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP), câmpus de Presidente Prudente. É membro do BioGeos (Laboratório de Biogeografia e Geografia da Saúde), do Observatório de Geografia da Saúde e do coletivo de pesquisadores CETAS (Centro de Estudos do Trabalho, Ambiente e Saúde). Possui experiência na área de Geografia, Cartografia e Estatística, com ênfase em geotecnologias, análise espacial e geoprocessamento, atuando principalmente nos seguintes temas: Geografia da Saúde, Mapeamento, Cartografia, Leishmaniose, Sistema de Informação Geográfica, Modelagem, Estatística Espacial, Geoestatística, Saúde Coletiva; Aprendizado de Máquina e Acidentes de Trânsito. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 19/06/2021
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

MATSUMOTO, Patricia Sayuri Silvestre. Análise espacial da Leishmaniose Visceral Canina em Presidente Prudente – SP : abordagem geográfica da saúde ambiental. Dissertação (Mestrado) -  Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências e Tecnologia.  (12/03747-7

MATSUMOTO, Patricia Sayuri Silvestre. A Geografia é uma forma de pensar : padrões espaciais e epidemiológicos da leishmaniose visceral em Araçatuba, Presidente Prudente e Votuporanga – SP, Brasil.  253 f. Tese (Doutorado) -  Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências e Tecnologia.  (14/27070-1

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: