Busca avançada
Ano de início
Entree

Leonardo Martins Silva

CV Lattes GoogleMyCitations ResearcherID ORCID


Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. Escola Paulista de Medicina (EPM)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Bacharel em Biomedicina (2011), Mestre (2014), Doutorado pela Universidade Federal de São Paulo/ Escola Paulista de Medicina (UNIFESP/EPM) e estágio no Max-Delbrück-Centrum für Molekulare Medizin com a Associação dos Centros de Pesquisa Alemães Helmholtz (MDC, Alemanha) (2018, 2020). Atuou em diversos projetos de terapia celular e gênica para doenças cardiovasculares com lesões isquêmicas até 2014, iniciando após este período estudos no desenvolvimento de novas ferramentas terapêuticas para injúrias musculares, investigando a interação dos peptídeos e receptores do sistema calicreína-cininas com outros sistemas fisiológicos associados ao reparo tecidual. É também colaborador em projetos de sequenciamento NGS (Next-Generation Sequencing) e tecnologias associadas do Centro de Pesquisa e Diagnóstico Molecular de Doenças Genéticas da UNIFESP-EPM. Publicou 4 artigos como primeiro autor, 8 artigos como colaborador e é autor de um capítulo na edição 'Animal Models for Stem Cell Therapy' para Springer-Nature. Recentemente foi homenageado pela International Mariinskaya Academy (Moscou, Rússia), associado à Academia de História Natural da Rússia, tomando parte no conselho editorial dessa instituição (2019- atual). Possui experiência em: a) Pesquisa acadêmica na área de Genética e Biologia Molecular, com ênfase em Terapia gênica e Celular (Terapias avançadas), atuando principalmente nos seguintes temas: reparo tecidual, angiogênese, modelos animais experimentais, animais knockout, cininas e patologia molecular; b) Ensino, lecionando em caráter Curso Preparatório (2008-2013) e Curso Superior, cursos médicos e áreas da saúde (2016-atual); c) Liderança e gestão de pessoas, atuando como coordenador pedagógico (2011-2013); d) assessor científico, obtenção do PRP (Plasma Rico em Plaquetas) e BMAC (Bone Marrow Aspirate Concentrate) para aplicações na medicina (2014-2015). (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 04/07/2020
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: