Busca avançada
Ano de início
Entree

Tania Aparecida Sartori Sanchez Bachega

CV Lattes GoogleMyCitations


Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina (FM)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

PROFESSORA ASSOCIADA da FMUSP (2010), credenciada no Serviço de Pós-Graduação da FMUSP - nas áreas de concentração de Endocrinologia e de Clinica Médica. Atualmente é médica assistente do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e coordenadora do ambulatório de hiperplasia adrenal congênita da mesma instituição. Graduada em Medicina pela Universidade de Santo Amaro (1987), DOUTORADO (1997), PÓS-DOUTORADO (2001) e LIVRE DOCÊNCIA (2007) em Endocrinologia pela Universidade de São Paulo; todas as teses abordaram a linha de pesquisa em hiperplasia adrenal congênita. Realizou aperfeiçoamento científico em biologia molecular pela Universidade da Califórnia/USA, no Depto. de Pediatria (2006). Revisora dos seguintes periódicos: Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia, The Journal of Clinical Endocrinology and Metabolism, Clinical Endocrinology (Oxford), Expert Reviews in Molecular Medicine, Molecular Genetics and Metabolism. Possui experiência na área de pesquisa de Medicina, com ênfase em Clínica Médica, atuando principalmente em doenças hiperandrogênicas, como a hiperplasia adrenal congênita por deficiência da 21-hidroxilase. Concluiu a orientação de 06 alunos de Iniciação Científica, 03 alunos em mestrado, 04 alunos em doutorado e co-orientou 01 aluno em doutorado; É a Coordenadora Principal de Disciplina de Pós-Graduação da Clínica Médica da FMUSP (nota 7 da CAPES) e Pesquisadora Principal de Projeto Temático com Apoio FAPESP, concluído em outubro de 2011. Nos útlmos 5 anos também foi a coordenadora de outros 04 Auxílios à Pesquisa FAPESP. Todos os alunos de pós-graduação (concluídas e/ou em andamento) tiveram bolsa individual da FAPESP ou CNPq e dois deles estão contratados por Universidades. Membro Efetivo em dois Comites Internacionais: 1) Grupo de Estudos Multicentrico sobre a Forma Nao Classica da Deficiencia da 21-Hidroxilase (patrocinado pela CARES Foundation) e 2) Comite para a Criacao de Condutas para a Forma Classica da Deficiencia da 21-Hidroxilase (National Institute of Health and CARES Foundation). Assessora deste 2012, para o Ministério da Saúde na implantação da Triagem Neonatal da Hiperplasia Adrenal Congênita no território nacional. (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 27/02/2021
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

GOMES, Larissa Garcia. Estudo da proteína P450 óxido-redutase e dos citocromos hepáticos 2C19 e 3A4 como possíveis moduladores do fenótipo da deficiência da 21-hidroxilase.  90 f. Tese (Doutorado) -  Faculdade de Medicina.  Universidade de São Paulo (USP).  São Paulo.  (05/55364-0

MOURA, Vivian de Oliveira. Análise de genes moduladores do fenótipo da forma não clássica da deficiência da 21-hidroxilase. Dissertação (Mestrado) -  Faculdade de Medicina.  Universidade de São Paulo (USP).  São Paulo.  (08/51624-6

KAUPERT, Laura Cesar. Análise de genes moduladores do fenótipo de virilização genital em mulheres com a forma clássica da deficiência da 21-hidroxilase. Tese (Doutorado) -  Faculdade de Medicina.  Universidade de São Paulo (USP).  São Paulo.  (08/55546-0

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: