Busca avançada
Ano de início
Entree

Marcos Severino Nobre

CV Lattes GoogleMyCitations ResearcherID ORCID


Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (1986), mestrado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (1991) e doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (1997). Atualmente é pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, coordenador de projeto temático da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, pesquisador 1B do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, professor livre-docente da Universidade Estadual de Campinas e co-speaker do Mecila: Maria Sybilla Merian Centre Conviviality-Inequality in Latin America. (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 16/11/2019
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

TEIXEIRA, Mariana Oliveira Do Nascimento. Razão e reificação : um estudo sobre Max Weber em Historia e Consciencia de Classe, de Georg Lukacs. 2010. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). (07/56948-1)

CARNAÚBA, Maria Érbia Cássia. Marcuse e a psicanálise : a teoria critica sob a análise da teoria da repressão. 2012. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). (09/12008-0)

JANUÁRIO, Adriano Márcio. Modelo crítico e diagnóstico de tempo presente em Th. W. Adorno. 2016. Tese (Doutorado) – Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. (13/16491-3)

CRISSIUMA, Ricardo. A formação do jovem Hegel (1770-1800) : do esclarecimento do homem comum ao carecimento da filosofia. 2016. Tese (Doutorado) – Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. (11/23920-2)

RIBEIRO, Erika Cristina. O lugar sistematico do sentimento de respeito e do ideal de um reino dos fins na Fundamentação da Metafisica dos Costumes. 2005. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). (02/11975-8)

SILVA, Felipe Gonçalves. Liberdades em disputa : a reconstrução da autonomia privada na teoria critica de Jurgen Habermas. 2010. Tese (Doutorado) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). (05/54148-2)

CONCLI, Raphael Eduardo Alves. Integração social e adaptação no diagnóstico do mundo administrado de Max Horkheimer e Theodor Adorno. 2016. Dissertação (Mestrado) - (14/00964-2)

CARNAÚBA, Maria Érbia Cássia. Teoria crítica e utopia. 2017. Tese (Doutorado) – Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. (12/23830-6)

MAGALHÃES, Fernando Augusto Bee. Crítica da cultura e fantasmagoria : Benjamin na década de 30. 2016. Dissertação (Mestrado) - (13/16760-4)

ALVES, Luciana Rodrigues. A elaboração da teoria critica da sociedade segundo Lukas e Horkheimer. 2004. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). (02/05107-3)

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: