Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

ANÁLISE DO MATERIAL PARTICULADO NO PANTANAL MATO-GROSSENSE

Texto completo
Autor(es):
ANNA CAROLINNA ALBINO SANTOS ; JOSÉ DE SOUZA NOGUEIRA
Número total de Autores: 2
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Revista Brasileira de Meteorologia; v. 30, n. 3, p. 254-264, Set. 2015.
Resumo

Este estudo analisa propriedades de aerossóis atmosféricos e suas fontes, procurando aprimorar o entendimento da dinâmica de poluentes na região do Pantanal. Os principais objetivos desse trabalho foram: caracterização do material particulado e avaliação das fontes de material particulado no Pantanal Mato-Grossense. As amostras de aerossóis atmosféricos foram coletadas continuamente de abril de 2012 a agosto de 2013 na Baía das Pedras, localizada no Pantanal Mato-grossense. O dispositivo de amostragem consistiu em coletores de particulado fino e grosso (AFG), que separa a fração fina do aerossol (dp ˂ 2,5 µm) e a fração grossa (2,5 < dp < 10 µm). A análise elementar foi realizada por fluorescência de raios-X, enquanto que o teor deblack carbon equivalente foi determinado por refletância. Utilizando a técnica de Fatoração de Matriz Positiva (PMF), foram estimados três tipos de fontes de aerossóis: emissões biogênicas naturais, suspensão de poeira do solo e queima da biomassa. Os resultados encontrados reforçam a importância do estudo no Pantanal para entender os mecanismos dos processos antrópicos e naturais que são capazes de regular a composição da atmosfera. (AU)

Processo FAPESP: 08/58100-2 - Aeroclima: efeitos diretos e indiretos de aerossóis no clima da Amazônia e Pantanal
Beneficiário:Paulo Eduardo Artaxo Netto
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Programa de Pesquisa sobre Mudanças Climáticas Globais - Temático