Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do Web of Science, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Movement patterns and space use of the first giant anteater (Myrmecophaga tridactyla) monitored in SAo Paulo State, Brazil

Texto completo
Autor(es):
Bertassoni, Alessandra ; Mourao, Guilherme ; Ribeiro, Rullian Cesar ; Cesario, Clarice Silva ; de Oliveira, Juliana Paula ; Bianchi, Rita de Cassia
Número total de Autores: 6
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Studies on Neotropical Fauna and Environment; v. 52, n. 1, p. 68-74, APR 2017.
Citações Web of Science: 3
Resumo

This study analyzes a giant anteater's (Myrmecophaga tridactyla) movement patterns and space use in SAo Paulo, Brazil. It is the first study to track a giant anteater with Iridium-GPS. The anteater traveled an average distance of 1326mday(-1) with an average speed of 1.04mmin(-1). Home range by Kernel was 2.46km(2) while the core area was 0.75km(2), and estimates by Brownian bridge and minimum convex polygon were also provided. The anteater used shrub savanna, open savanna, and water habitats more than expected. Monitoring ended just after 10days when the female giant anteater's GPS was found on an illegal trail. RESUMOEste estudo analisa os padroes de movimento e o uso do espaco por um tamandua-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) em SAo Paulo, Brasil. E o primeiro estudo a monitorar um tamandua-bandeira com GPS-Iridium. O tamandua-bandeira percorreu uma distancia media de 1.326 m/dia com uma velocidade media de 1,04 mmin(-1). A area de vida estimada por Kernel foi de 2,46 km(2), enquanto a area nucleo foi de 0,75 km(2). Estimativas por Ponte Browniana e Minimo Poligono Convexo tambem foram fornecidas. O tamandua-bandeira utilizou os habitats savana arbustiva e aberta, e aqueles relacionados a agua mais do que o esperado. O monitoramento terminou depois de 10 dias quando o GPS do tamandua-bandeira foi encontrado caido em uma trilha ilegal. (AU)

Processo FAPESP: 13/18526-9 - Importância de remanescentes de cerrado para o tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) no Nordeste de São Paulo
Beneficiário:Rita de Cassia Bianchi
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Regular
Processo FAPESP: 13/04957-8 - Uso da paisagem por tamanduás-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) com uso de telemetria via satélite na Estação Ecológica de Santa Bárbara, São Paulo, Brasil
Beneficiário:Alessandra Bertassoni da Silva
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado