Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Rotação de culturas no sistema plantio direto em Tibagi (PR): II - Emissões de CO2 e N2O

Texto completo
Autor(es):
Marcos Siqueira Neto ; Marisa de Cássia Piccolo ; Brigitte Josefine Feigl ; Solismar de Paiva Venzke Filho ; Carlos Eduardo Pellegrino Cerri ; Carlos Clemente Cerri
Número total de Autores: 6
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Revista Brasileira de Ciência do Solo; v. 33, n. 4, p. -, Ago. 2009.
Resumo

A atividade agrícola pode alterar a quantidade e qualidade da matéria orgânica do solo (MOS), resultando em emissões de dióxido de carbono (CO2) e óxido nitroso (N2O) do solo para a atmosfera. O sistema plantio direto (SPD) com a utilização de leguminosas em sistemas de rotação é uma estratégia que deve ser considerada tanto para o aumento da quantidade de MOS como para seu efeito na redução das emissões dos gases de efeito estufa. Com o objetivo de determinar os fluxos de gases do efeito estufa (CO2 e N2O) do solo, um experimento foi instalado em Tibagi (PR), em um Latossolo Vermelho distroférrico textura argilosa. Os tratamentos, dispostos em faixas não casualizadas com parcelas subdivididas, foram: sistema plantio direto por 12 anos com sucessões milho/trigo e soja/trigo (PD12 M/T e PD12 S/T, respectivamente) e por 22 anos (PD22 M/T e PD22 S/T, respectivamente). As emissões de CO2 do solo foram aproximadamente 20 % mais elevadas no PD22 em relação ao PD12. As emissões de CO2 apresentaram correlação significativa (R² = 0,85; p < 0,05) com a temperatura do solo, com emissões médias 40 % menores, registradas nos meses com temperaturas mais baixas. As emissões mais elevadas de N2O foram observadas após a colheita das culturas de verão, sobretudo na sucessão milho/trigo, em relação à sucessão soja/trigo. As emissões de N2O foram aproximadamente 25 % maiores após aplicação do fertilizante nitrogenado na cultura do trigo nas duas sucessões e apresentaram correlação significativa (R² = 0,88; p < 0,01) com o grau de saturação de água no solo (Sr %). (AU)

Processo FAPESP: 01/07168-7 - A biomassa microbiana no processo de mineralização e imobilização do nitrogênio no sistema plantio direto
Beneficiário:Marisa de Cassia Piccolo
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Regular