Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Emerging arboviruses and public health challenges in Brazil

Título (Português): Arboviroses emergentes e novos desafios para a saúde pública no Brasil
Texto completo
Autor(es):
Tamara Nunes Lima-Camara
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Revista de Saúde Pública; v. 50, p. -, 2016.
Resumo

ABSTRACT Environmental modification by anthropogenic actions, disordered urban growth, globalization of international exchange and climate change are some factors that help the emergence and dissemination of human infectious diseases transmitted by vectors. This review discusses the recent entry of three arboviruses in Brazil: Chikungunya, West Nile, and Zika virus, focusing on the challenges for the Country’s public health. The Brazilian population is exposed to infections caused by these three arboviruses widely distributed on the national territory and associated with humans. Without effective vaccine and specific treatment, the maintainance and integration of a continuos entomological and epidemiological surveillance are important so we can set methods to control and prevent these arboviruses in the Country. (AU)

Resumo

RESUMO A modificação do ambiente por ações antrópicas, o crescimento urbano desordenado, o processo de globalização do intercâmbio internacional e as mudanças climáticas são alguns fatores que vêm facilitando a emergência e disseminação de doenças infecciosas humanas transmitidas por vetores. Este comentário aborda a recente entrada de três arbovírus no Brasil, Chikungunya (CHIKV), West Nile (WNV) e Zika (ZIKV), com enfoque nos desafios para a Saúde Pública do País. Transmitidos por mosquitos vetores amplamente distribuídos no território nacional e associados ao homem, a população brasileira encontra-se exposta à infecção por esses três arbovírus. Na ausência de vacina eficaz e tratamento específico, são importantes a manutenção e integração de uma vigilância entomológica e epidemiológica contínua, a fim de direcionarmos métodos de controle e prevenção contra essas arboviroses no País. (AU)

Processo FAPESP: 14/05016-5 - Avaliação da frequência, distribuição espacial, atividade locomotora e inseminação cruzada de Aedes aegypti e Aedes albopictus (Diptera: Culicidae)
Beneficiário:Tamara Nunes de Lima Camara
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Regular