Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Effects of a group-based exercise program on muscle strength and postural control among community-dwelling elderly women: a randomized-controlled trial

Título (Português): Efeitos de um programa de exercícios em grupo sobre a força muscular e controle postural entre mulheres idosas da comunidade: um estudo randomizado controlado
Texto completo
Autor(es):
Mariana Chaves Aveiro ; Patricia Driusso ; Julia Gianjoppe dos Santos ; Viviane Dassi Kiyoto ; Jorge Oishi
Número total de Autores: 5
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Rev. bras. geriatr. gerontol.; v. 16, n. 3, p. -, Set. 2013.
Resumo

OBJECTIVES: Verify if a group-based low intensity exercise training program could significantly improve physical variables related to muscle strength and postural control among community-dwelling elderly women. METHODS: This study was a non-blinded randomized-controlled trial. Thirty-seven women were allocated according a computer generated randomization list in two groups: Control (n=18; mean age 68.9(5.7)) and Exercise (n=19; mean age 67.8(4.9)). Main outcome measures were body sway during quiet stance, and knee and ankle isometric peak torque and isokinetic peak torque, power and time acceleration. Exercise group performed a group-based training program on two days per week for 12 weeks. Each training session consisted of stretching exercises, ankle and knee muscle strengthening and balance training. Control group did not undergo any training. RESULTS: Control group did not present significant differences for variables analyzed. Effect size to peak torque and power for non-dominant knee flexors at 60º/s (0.85 and 0.8, respectively), peak torque and power for non-dominant knee flexors and time acceleration for non-dominant knee extensors at 120º/s (0.8, -0.9 and 1.19, respectively) may be considered large after training. CONCLUSION: Low-intensity group-based exercise training program may be effective to improve knee isometric peak torque and knee and ankle isokinetic peak torque, power and time acceleration. Trial registration: ACTRN12610000042044. (AU)

Resumo

OBJETIVOS: Verificar se um programa de treinamento de baixa intensidade pode melhorar diferentes variáveis relacionadas a força muscular e controle postural em mulheres idosas da comunidade. MÉTODOS: Estudo clínico randomizado controlado, não cego, em que 37 mulheres foram alocadas de acordo com uma lista de randomização gerada em computador, em dois grupos: Controle (n=18; idade média 68,9(5,7)) e Exercício (n=19; idade média 67,8(4,9)). As principais avaliações foram controle postural na postura estática e pico de torque isométrico e pico de torque, potência e aceleração isocinética de joelhos e tornozelos. O grupo Exercício realizou um treinamento em grupo duas vezes por semana, por 12 semanas. Cada sessão de treinamento consistiu de exercícios de alongamento, fortalecimento dos músculos do joelho e tornozelo e treino de equilíbrio. O grupo Controle não realizou treinamento. RESULTADOS: O grupo Controle não apresentou diferenças significativas para as variáveis analisadas. O tamanho do efeito depois de 12 semanas de treinamento para o pico de torque e potência para os flexores de joelho do membro inferior não dominante a 60º/s (0,85 e 0,8, respectivamente), pico de torque e potência para flexores de joelho do membro inferior não dominante e tempo de aceleração para os extensores de joelho do membro inferior não dominante a 120º/s (0,8; -0,9 e 1,19, respectivamente) podem ser considerados grandes. CONCLUSÃO: O treinamento de baixa intensidade em grupo pode ser efetivo para melhorar o pico de torque isométrico, pico de torque, potência e tempo de aceleração isocinético. Registro clínico: ACTRN12610000042044. (AU)

Processo FAPESP: 06/06656-1 - Efeitos de um treinamento físico sobre o equilíbrio estático e dinâmico de mulheres idosas residentes na área de abrangência do Programa Saúde da Família de São Carlos
Beneficiário:Mariana Chaves Aveiro
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo FAPESP: 07/06606-7 - Efeitos de um treinamento físico sobre o trabalho, potência e torque muscular de mulheres idosas residentes na área de abrangência do Programa Saúde da Família de São Carlos
Beneficiário:Júlia Gianjoppe dos Santos
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Iniciação Científica