Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Sistema reprodutivo do Ipê-Branco: Tabebuia roseo-alba (Ridley) Sandwith (Bignoniaceae)

Texto completo
Autor(es):
Gabriel Gandolphi ; Nelson Sabino Bittencourt Jr
Número total de Autores: 2
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Acta Botanica Brasilica; v. 24, n. 3, p. -, Set. 2010.
Resumo

Estudos sobre sistemas reprodutivos têm indicado o predomínio da autoincompatibilidade de ação tardia (AIT) em Bignoniaceae, embora poucas espécies tenham sido investigadas e ocorram outros tipos de sistemas reprodutivos na família. O presente estudo objetivou determinar o sistema reprodutivo de T. roseo-alba através de experimentos de polinizações controladas, análise histológica dos eventos posteriores à polinização, verificação do desenvolvimento in situ dos tubos polínicos e testes de germinação de sementes. Apesar de os tubos polínicos penetrarem e fecundarem a maioria dos óvulos em pistilos autopolinizados, o aborto de 100% dos mesmos foi verificado e, embora sua abscisão tenha ocorrido entre o quarto e o sexto dia após o início da antese, observou-se um ligeiro crescimento dos óvulos e do ovário precedendo a abscisão, porém inferior ao crescimento nos pistilos submetidos à polinização cruzada. A endospermogênese inicial e a formação do tubo proembriônico também foram mais lentas nos pistilos autopolinizados. A longevidade dos pistilos autopolinizados foi maior que a de pistilos não polinizados, e a taxa de germinação de sementes foi de 93%, sendo todas as sementes monoembriônicas. Os resultados demonstram que T. roseo-alba é espécie auto-estéril, destituída de poliembrionia e que apresenta AIT pós-zigótica. (AU)

Processo FAPESP: 05/59234-4 - Sistemas reprodutivos e análise histológica dos eventos posteriores à polinização em espécies auto-férteis e auto-estéreis de Bignoniaceae
Beneficiário:Nelson Sabino Bittencourt Junior
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Processo FAPESP: 07/58510-3 - Sistema reprodutivo e testes de inter-fertilidade em Tabebuia roseo-alba (Bignoniaceae)
Beneficiário:Gabriel Gandolphi
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Iniciação Científica