Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

AS ENTIDADES NACIONAIS NA POLÍTICA EDUCACIONAL DAS ESCOLAS DE ARQUITETURA E URBANISMO DO BRASIL- ENTENDIMENTOS SOBRE A ÁREA DA TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO

Texto completo
Autor(es):
Albenise Laverde ; Cláudia Terezinha de Andrade Oliveira
Número total de Autores: 2
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Hist. Educ.; v. 24, p. -, 2020.
Resumo

Resumo O presente artigo investiga as principais discussões e ações realizadas ao longo da criação dos cursos de Arquitetura e Urbanismo no Brasil, conduzidas por Instituições de Ensino e por Entidades Governamentais e Associativas envolvidas com a questão educacional, com especial atenção à análise das estratégias e proposições direcionadas às práticas experimentais e melhoria do ensino da Tecnologia da Construção. Esta pesquisa foi desenvolvida a partir da triangulação de dados obtidos em diferentes fontes bibliográficas e documentais e pela análise de 21 Projetos Pedagógicos de escolas públicas de Arquitetura e Urbanismo implantadas em diferentes períodos históricos e em distintas regiões do país, além de entrevistas e visitas técnicas. Os resultados possibilitaram compreender as diferentes variáveis que influenciaram na atual estruturação da área da Tecnologia da Construção, algo que não se resume ao plano teórico dos Projetos Pedagógicos de curso, mas a uma dimensão mais ampla, como os aspectos político-educacionais, estruturais e socioeconômicos. (AU)

Processo FAPESP: 13/22935-1 - Os espaços experimentais nas escolas públicas de arquitetura do Brasil: utopia ou realidade?
Beneficiário:Albenise Laverde
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado