Busca avançada
Ano de início
Entree


O trabalho pedagogico de Kazimir Malievitch : uma abordagem a partir da teoria do elemento adicional em pintura

Texto completo
Autor(es):
Angela Nucci
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Data de defesa:
Membros da banca:
Claudia Valladão de Mattos; Elena Nikolaevna Vassina
Orientador: Nelson Alfredo Aguilar
Resumo

RESUMO: A obra de Kazímir Sievierínovitch Maliévitch (1878-1935) compõe um dos relatos mais significativos que se relacionam tanto ao declínio das concepções tradicionais da arte e a eclosão das vanguardas modernistas quanto ao confronto entre as diversas tendências ideológicas que marcaram a Rússia nas primeiras décadas do séc. XX. Nesse sentido, a importância de sua obra não está encerrada em um nível estritamente artístico, mas que se estende a um quadro coerente aos ideais revolucionários do período, os quais garantiam aos artistas um papel de destaque na construção da nova sociedade soviética. Quase como uma regra, após a Revolução de 1917, os artistas da vanguarda russa buscaram criar no interior das instituições de arte parâmetros científicos de pesquisa, fruição e análise das formas artísticas, ou em outras palavras, a sistematização do conhecimento artístico. A Teoria do elemento adicional em pintura criada por Maliévitch foi o eixo de seu método pedagógico. Com base em uma consistente produção teórica e prática realizada ao longo de sua vida, Maliévitch elaborou um modelo capaz de analisar diferentes culturas pictóricas do início do século XX, propondo a desmistificação do processo criativo em resposta ao suposto caráter inacessível da arte moderna, produção relevante até os dias de hoje, de interesse tanto no âmbito da história da arte como da educação estética. (AU)