Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Sapindaceae do noroeste paulista: lista de especies e chave de identificacao baseada em caracteres vegetativos

Texto completo
Autor(es):
Caroline Sprengel-Lima ; Andreia Alves Rezende
Número total de Autores: 2
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Biota Neotropica; v. 13, n. 2, p. 270-282, Abr. 2013.
Resumo

A identificação de espécies geralmente é um obstáculo para estudos de conservação e manejo. As espécies de Sapindaceae particularmente são de difícil identificação, sendo o fruto uma característica importante na definição de gêneros e espécies. Dada à dificuldade de encontrar material fértil em determinadas épocas do ano, o objetivo deste estudo foi levantar as espécies de Sapindaceae do noroeste paulista e elaborar uma chave de identificação baseada em características morfológicas vegetativas, tais como a forma e o número de folíolos, o número de feixes no corpo lenhoso para as espécies de liana, a presença ou a ausência de domácias, tipo de indumento, entre outras. Neste estudo foram levantadas as espécies de Sapindaceae presentes em 18 fragmentos de vegetação nativa na área de abrangência das Unidades de Gerenciamento dos Recursos Hídricos (UGRHIs) do Turvo-Grande e São José dos Dourados e parte das UGHRIs do Baixo Pardo, Baixo Tietê e Tietê-Batalha. A chave de identificação foi elaborada com base no material herborizado e consta de 23 espécies, distribuídas em 11 gêneros. (AU)

Processo FAPESP: 04/04820-3 - Fauna e flora de fragmentos florestais remanescentes no noroeste paulista: base para estudos de conservação da biodiversidade
Beneficiário:Orlando Necchi Junior
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Temático