Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Isolation and characterization of ten new microsatellite markers in Machaerium villosum Vogel (Fabaceae)

Título (Português): Isolamento e caracterização de dez marcadores microssatélites inéditos em Machaerium villosum Vogel (Fabaceae)
Texto completo
Autor(es):
João Giudice-Neto ; Rafael Flora Ramos ; Evandro Marsola de Moraes ; Márcio José da Silva ; Vera Nisaka Solferini
Número total de Autores: 5
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Hoehnea; v. 41, n. 1, p. 77-80, Mar. 2014.
Resumo

Machaerium villosum is an important tree species from Southeastern Brazil. We report hereby 10 new microsatellite markers to investigate the structure and genetic diversity of this species. Ninety-seven alleles were detected in 60 specimens from a natural population in Minas Gerais State. High genetic diversity has been found. The mean observed and expected heterozygosities were 0.771 and 0.802, respectively. One locus showed significant Hardy-Weinberg departure and five loci combinations showed significant linkage disequilibrium. These 10 new microsatellite loci will be used to evaluate the genetic diversity of this species in order to understand the fragmentation effects of the Brazilian Atlantic Rain Forest. (AU)

Resumo

Machaerium villosum é uma importante espécie do Sudeste do Brasil. Com a finalidade de investigar a estrutura e a diversidade genética desta espécie, foram desenvolvidos 10 marcadores microssatélites inéditos. Identificaram-se 97 alelos em 60 indivíduos de uma população localizada no Estado de Minas Gerais. Elevados índices de diversidade genética foram detectados. As heterozigosidades médias observadas e esperadas foram 0,771 e 0,802, respectivamente. Apenas um loco demonstrou desvio do equilíbrio de Hardy-Weinberg, enquanto cinco combinações de locos mostraram-se em desequilíbrio de ligação. Estes novos marcadores serão úteis para avaliar a diversidade genética de Machaerium villosum e contribuir para o entendimento do efeito da fragmentação da Mata Atlântica. (AU)

Processo FAPESP: 09/50739-7 - Variabilidade genética em espécies de distribuição fragmentada
Beneficiário:Vera Nisaka Solferini
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Regular