Busca avançada
Ano de início
Entree


Doenças bacterianas em bagres sul americanos: isolamento, caracterização e patogenia

Texto completo
Autor(es):
Santiago Benites de Pádua
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: Jaboticabal. 2014-06-11.
Instituição: Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. Jaboticabal
Data de defesa:
Orientador: Fabiana Pilarski; Márcia Mayumi Ishikawa
Resumo

Neste trabalho foi registrada a primeira ocorrência de infecção por Citrobacter freundii, Lactococcus lactis subsp. lactis e Enterococcus faecalis associadas a surtos de doenças em bagres Sul Americanos. Além do isolamento das bactérias, também foi realizada a caracterização bioquímica e o perfil de susceptibilidade a antimicrobianos dos isolados. Para o isolamento, foram utilizados bagres provenientes de surtos em diferentes fazendas-berçário no Estado do Mato Grosso do Sul e também de criações em laboratório. Os peixes com sinais clínicos de bacteriose foram submetidos à necropsia e biópsia de rim e encéfalo para isolamento bacteriano em meios de cultura apropriados. Os isolados obtidos foram submetidos à coloração de Gram, teste da oxidase, catalase, produção de hemólise e identificação presuntiva através de kits comerciais API 20E ou API 20 Strep. A análise de susceptibilidade a 15 antimicrobianos foi realizada pelo método da difusão em disco com o Agar Muller Hinton. Foram obtidos dois isolados de C. freundii proveniente de cachara, que apresentaram multiresistência a 66,7 % dos antimicrobianos testados. Nos ensaios de infecção experimental, a doença foi reproduzida com sucesso, caracterizada como septicemia hemorrágica, com enterite acentuada e com reisolamento de C. freundii dos tecidos acometidos. Outros 57 isolados obtidos do rim e do encéfalo da cachara foram caracterizadas como cocos gram positivos associadas a meningoencefalite, identificadas como Lactococcus lactis subsp. lactis e Enterococcus faecalis. Todos os isolados apresentaram multiresistência aos antimicrobianos testados. A bactéria L. lactis subsp. lactis foi sensível somente a ampicilina e penicilina. Todas nossos isolados de E. faecalis foram sensíveis a sulfazotrim e a amoxilina e ao ácido clavulânico (AU)

Processo FAPESP: 10/14490-1 - Doenças bacterianas em bagres sul americanos: isolamento, caracterização e patogenia
Beneficiário:Santiago Benites de Padua
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado