Busca avançada
Ano de início
Entree

Trafficwise - simulação em ambiente urbano reconstruído dinamicamente com informações de trânsito em tempo real

Processo: 09/52458-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de janeiro de 2010 - 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:André Luis Ogando Paraense
Beneficiário:André Luis Ogando Paraense
Empresa:Mobwise Consultoria em Engenharia e Softwares Ltda (Mobwise)
Município: Campinas
Auxílios(s) vinculado(s):11/50608-0 - TrafficWise - simulação em ambiente urbano reconstruído dinamicamente com informações e trânsito em tempo real, AP.PIPE
Bolsa(s) vinculada(s):10/00140-9 - TrafficWise - simulação em ambiente urbano reconstruído dinamicamente com informações de trânsito em tempo real, BP.TT
10/00072-3 - TrafficWise - simulação em ambiente urbano reconstruído dinamicamente com informações de trânsito em tempo real, BP.TT
10/00433-6 - TrafficWise: simulação em ambiente urbano reconstruído dinamicamente com informações de trânsito em tempo real, BP.PIPE
10/00069-2 - TrafficWise - simulação em ambiente urbano reconstruído dinamicamente com informações de trânsito em tempo real, BP.TT
Assunto(s):Autômatos celulares  Tempo-real  Simulação por computador  Organização do tráfego 

Resumo

A MobWise é um spin-off acadêmico da Unicamp com uma equipe de gestão multidisciplinar. A missão da empresa é ajudar as pessoas a se deslocarem de maneira mais inteligente. A MobWise nasceu com processo de pesquisa e desenvolvimento institucionalizado através de uma diretoria própria e autônoma de pesquisa e desenvolvimento, criando um ambiente favorável à pesquisa e à captação e retenção de pesquisadores. Os objetivos do projeto de pesquisa TrafficWise são a criação e avaliação de uma plataforma computacional de modelagem e simulação de tráfego que represente um ambiente rodoviário urbano e que seja capaz de mapear o mapa rodoviário urbano dinamicamente, agregando informações de fluxo de tráfego em tempo real através de sensores estáticos (radares) e dinâmicos (smartphones e GPS). A abordagem de modelagem de simulação será híbrida micro-macroscópica, com evolução para microscópica de acordo com a disponibilidade de dados de mapeamento mais precisos. Os principais artefatos avaliados pela pesquisa serão: Mapeamento das regiões propostas através de modelos macroscópicos e microscópicos; Autômato celular que reproduz o comportamento veicular; Definição de arquitetura para aplicação de modelos microscópicos e macroscópicos que interagem entre si; Um modelo que busca ser escalável por construção; Processo de geração automática de modelo microscópico através da avaliação comportamental dos veículos sensoriados; Determinação de modelo parcimonioso de coleta de dados de sensores lagrangianos; Avaliação de atualização e (re)construnção de mapeamento urbano através de dados lagrangianos. A relevância do projeto está relacionado com as aplicações vislumbradas como roteamento dinâmico e previsão de trânsito, além de sua adequação à realidade brasileira, que possui uma infraestrutura de monitoramento pobre. As principais macro atividades do projeto podem ser definidas como sendo: modelagem e representação urbana; modelagem de entrada de dados; simulação de cenários; ajustes de mapeamento cartográfico baseado em dados lagrangianos. O projeto tem uma metodologia de desenvolvimento definida com os seguintes módulos: Simulador; Entrada de dados; Reconstrução e atualização de mapeamento urbano. Os principais desafios científicos estão relacionados à arquitetura de um modelo de simulação híbrido com aquisição de dados em tempo real e ao mapeamento utilizando sensoriamento georeferenciado de veículos em movimento. O projeto apresenta quatro papéis fundamentais: coordenador de projeto, pesquisador responsável, pesquisador principal, pesquisador principal e desenvolvedor e já deu seus primeiros passos na linha de simulação de ambiente urbano, tendo sido realizada uma primeira modelagem micro, que mostrou como é trabalhoso o mapeamento urbano para o modelo micro, revelou os desafios de escalabilidade que terão que ser superados, mas demonstrou resultados positivos. O framework de simulação TrafficWise se enquadra em um roadmap de pesquisas da empresa, representando a base para uma série de aplicações relevantes para planejamento, controle e operação no trânsito urbano de cidades grandes, como: aplicações de roteamento; aplicações de navegação; aplicações de controle de semáforo; aplicações para controle de transporte urbano; aplicações de previsão de tráfego; aplicações para estudo de planejamento urbano. O tempo total de duração do projeto é de 160 dias que mensalizado com início em outubro de 2009 totaliza pouco mais de 8 meses, finalizando em meados de maio de 2010. O mercado consumidor dos produtos e serviços derivados do TrafficWise pode ser dividido em três segmentos: empresas de engenharia de trânsito e empresas de mapeamento cartográfico consumidoras das informações e estudos; empresas que já utilizam a tecnologia de GPS para o planejamento de rotas e monitoramento de transporte logístico, mas não têm informação de trânsito em tempo real; usuários de celulares com GPS que estão localizados em cidades onde a velocidade de locomoção no trânsito está restrita à situação do trânsito. O orçamento proposto inclui três bolsas TT 5 para pesquisadores principais, mapa de Campinas e três smartphones que servirão de sensores dinâmicos e 16 horas de consultoria de um especialista em redes para desenvolver um protocolo de comunicação de baixo custo. A contrapartida direta representa mais de 10% do valor orçado para o PIPE fase I. Pretende-se com o lançamento do produto resultante dessa proposta posicionar a MobWise como a maior fornecedora brasileira de inteligência para trânsito. A MobWise pretende buscar investidores de risco, grupos de seed capital e anjos capitalistas dispostos a investir na empresa para viabilizar seu plano operacional. (AU)