Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de arquitetura de baixo custo para osciloscópio digital (DSO) multifuncional com suporte a plataforma Android

Processo: 13/50871-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de junho de 2014 - 30 de abril de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrônicas, Instrumentação
Pesquisador responsável:Daniel Mendes Adelino
Beneficiário:Daniel Mendes Adelino
Empresa:Daniel Mendes Adelino - ME
Município: São Bernardo do Campo
Auxílios(s) vinculado(s):15/50656-5 - Desenvolvimento de arquitetura de baixo custo para osciloscópio digital (DSO) multifuncional com suporte a plataforma Android, AP.PIPE
Bolsa(s) vinculada(s):14/09652-3 - Desenvolvimento de arquitetura de baixo custo para osciloscópio digital (DSO) multifuncional com suporte a plataforma Android, BP.PIPE
Assunto(s):Instrumento de medida  Osciloscópio digital  Protocolos de comunicação 

Resumo

Osciloscópios são instrumentos fundamentais no desenvolvimento e manutenção de equipamentos em praticamente todas as áreas do conhecimento. O avanço da tecnologia, de uma forma geral (maior densidade de eletrônica embarcada em produtos), e a iniciativa de várias organizações para a popularização de plataformas de hardware Open source para estimular o aprendizado como: Arduino, BeagleBoard, Raspberry, entre outras, criou uma maior demanda e um novo nicho de mercado para produtos de menor custo. Hoje no Brasil, o osciloscópio é um produto de alto custo de aquisição (produto importado/remarcado ou fabricado a partir de um kit CKD, sem tecnologia nacional) e não há opção de produtos de especificações intermediárias e/ou de menor custo, tomando o inalcançável a muitos consumidores como: estudantes, profissionais autônomos e micro empresas. O objetivo da pesquisa é estudar a viabilidade de se desenvolver uma arquitetura (hardware e software) para osciloscópio digital portátil (DSO - Digital Storage Oscilloscope) que possa ser utilizada em conjunto com dispositivos Android, em tablets ou celulares de baixo custo, além de outras plataformas mais convencionais como Windows e Linux. A conexão será via USB ou sem fio (Bluetooth). O hardware deverá ter um tamanho reduzido (cerca de 10x10cm), para que seja portátil. A arquitetura também suportará em um único produto outras funções como: analisador de espectro, gerador de ondas, analisador de protocolos de comunicação digitais, rastreador de defeitos, analisador de energia e muitas outras ferramentas de análise matemática do sinal, a serem implementadas em software. O tablet, celular ou PC terá a função de interface gráfica e executará parte do processamento digital dos sinais, reduzindo o custo de fabricação do osciloscópio pela ausência de um display e processador veloz. O restante do processamento dos sinais será feito pelo hardware do osciloscópio. Atualmente não há a opção de um DSO comercial que suporte a plataforma Android. Um dos grandes desafios da pesquisa é validar se o hardware de tablets e celulares Android de baixo custo terão capacidade suficiente de processamento de sinais (considerando todos os recursos de um osciloscópio digital), tendo como restrição o custo e tamanho do hardware do DSO. Algoritmos do "estado da arte" deverão ser implementados para a maior otimização do sistema demandando menor capacidade de processamento, tanto do hardware do DSO quanto do dispositivo Android. A pesquisa terá como resultado principal o fim da dependência do Brasil na tecnologia do osciloscópio digital e a socialização do produto. (AU)