Busca avançada
Ano de início
Entree
Conteúdo relacionado

BIOANODO PARA BIOCÉLULAS A COMBUSTÍVEL ETANOL/ 02 E PROCESSO PARA PREPARAR O MESMO

Tipo de documento:Patente
Inventor(es): Adalgisa Rodrigues de Andrade; Valtencir Zucolotto; Pietro Ciancaglini; Juliane Cristina Forti; Sidney de Aquino Neto
Depositante: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) ; Universidade de São Paulo (USP)
Data do depósito: 23 de março de 2011
Registro INPI:
PI1101233-1 - Consulta INPI
IPC: H01M 8/16 H01M 4/86 H01M 4/88 C25B 3/00
Resumo

BIOANODO PARA BIOCÉLULAS A COMBUSTÍVEL ETANOL/O2 E PROCESSO PARA PREPARAR O MESMO. Nesta invenção, foi preparado e caracterizado um novo bioanodo para biocélulas a combustível etanol/O2 utilizando-se o dendrímero PAMAM para imobilização da enzima ADH sobre superfície difusora de tecido de carbono. Os bioanodos foram preparados utilizando-se a técnica de adsorção passiva enzima/dendrímero em um suporte de fibra de carbono (HT1400W, ELAT<32> GDL - BASF) de 1cm^ 2^ utilizando-se o corante verde de metileno como eletrocatalisador para a espécie NADH. As medidas de densidade de potência foram realizadas em uma célula de dois compartimentos separadas por uma membrana Nafion<32>. Após a imobilização, o sistema empregado provou ser estável e com densidade de potência gerada comparável aos demais bioanodos existentes no mercado. Os resultados obtidos mostram que o dendrímero PAMAM é um material muito atrativo para imobilização de enzimas e com grande potencial para aplicação em dispositivos comerciais.


Processo FAPESP: 05/02849-7 - Desenvolvimento de catalisadores Pt-Sn, Pt-Sn-Ni para oxidação eletrocatalítica de etanol para uso em célula a combustível direta (DEFC)
Beneficiário:Adalgisa Rodrigues de Andrade
Pesquisador responsável:Adalgisa Rodrigues de Andrade
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP)
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Regular