Busca avançada
Ano de início
Entree

Receptor GPS

Processo: 00/13452-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de abril de 2001 - 31 de dezembro de 2004
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Aeroespacial - Sistemas Aeroespaciais
Pesquisador responsável:Marco Antonio Chamon
Beneficiário:Marco Antonio Chamon
Empresa:Navcon Navegação e Controle Indústria e Comércio Ltda
Município: São José dos Campos
Auxílios(s) vinculado(s):04/13930-7 - Receptor GPS, AP.PIPE3
Bolsa(s) vinculada(s):03/09955-1 - Receptor GPS, BP.TT
03/09954-5 - Receptor GPS, BP.TT
02/14093-6 - Receptor GPS, BP.PIPE
Assunto(s):Sistema de posicionamento global (GPS) 

Resumo

O enorme crescimento da aplicação de Sistemas de Posicionamento Global (GPS) gerou a necessidade do domínio dessa tecnologia não apenas para aplicações, mas também para adaptação do projeto dos receptores para necessidades específicas. Essa necessidade se torna maior devido ao progresso na área de sensores inerciais de baixo custo, levando à crescente utilização de sistemas integrados GPS/ inercial. Essa é hoje a área de maior desenvolvimento em sistemas de posicionamento em todos os países desenvolvidos e mesmo nos emergentes. A empresa, em colaboração com pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), tenta acompanhar essa tendência com a execução, no âmbito do Programa Inovação Tecnológica em Pequenas Empresas (PIPE), do projeto Plataforma Integrada GPS/inercial, em fase de conclusão. Como continuidade normal desse desenvolvimento, o projeto agora proposto visa ao desenvolvimento de receptores GPS a partir de chip sets disponíveis. Por meio do domínio das técnicas de projeto, o objetivo é eliminar restrições impostas à utilização dos receptores em aplicações de maior altitude e velocidade, como as espaciais, bem como permitir uma otimização de uso das técnicas de integração com sensores inerciais e outros. As restrições mencionadas anteriormente não se encontram no chip set usado para o receptor, mas no software firmware que determina a dinâmica da malha de rastreio dos sinais de satélites e, portanto, a capacidade de rastreio de um veículo com maiores velocidades e acelerações, e no software aplicativo que determina as coordenadas do veículo. Esse software pode ser alterado a partir do domínio dos algoritmos envolvidos. A possibilidade de utilização de um receptor GPS com várias antenas, ou de vários receptores GPS para determinação de altitude, teve grande impulso ultimamente por viabilizar a obtenção de maior precisão dos sistemas usando sensores inerciais de baixo custo, através de sua calibração em operação. Em projeto desenvolvido pela empresa mencionada anteriormente, essa última opção foi utilizada. Por meio do acesso à tecnologia de projeto do receptor, fica viabilizada a consideração da segunda opção, particularmente para aplicações espaciais, em que a redução de consumo e peso é mais importante que o custo. (AU)