Busca avançada
Ano de início
Entree

Solução para interação com maquetes virtuais arquitetônicas dinâmicas e de alto realismo visual por meio de tablets e smartphones

Processo: 16/08464-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de maio de 2017 - 31 de janeiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Guilherme Picanço Rabello
Beneficiário:Guilherme Picanço Rabello
Empresa:Sureale Soluções em Tecnologia da Informação Ltda. - ME
Município: São Carlos
Pesq. associados:César Augusto Camillo Teixeira ; Didier Augusto Vega Oliveros ; Erick Lazaro Melo
Bolsa(s) vinculada(s):17/11896-6 - Integração da aplicação a smartphones e TVs (Bolsa TT-5 20h semanais), BP.TT
17/06799-1 - Porte da aplicação para serviço de Cloud Gaming (bolsa TT-4A), BP.TT
17/08930-8 - Implementação de gerenciamento de instâncias e escalabilidade em nuvem (bolsa TT-4 20h), BP.TT
17/06834-1 - Adaptação da aplicação para interação através de smartphone (bolsa TT-1), BP.TT
17/06798-5 - Solução para interação com maquetes virtuais arquitetônicas dinâmicas e de alto realismo visual por meio de tablets e smartphones, BP.PIPE
Assunto(s):Teleinformática  Projeto de arquitetura  Maquete  Dispositivos móveis  Marketing digital  Empreendimentos imobiliários  Jogos eletrônicos 

Resumo

É fato que tablets e principalmente smartphones são hoje dispositivos inseparáveis da vida cotidiana das pessoas. Com essa realidade, esses dispositivos passaram também a ter grande relevância como meio de marketing, divulgação e comercialização de produtos. O marketing imobiliário tem explorado essas possibilidades, mas de forma bastante precária, devido às limitações impostas pela latência e banda de redes de comunicação e principalmente pelas capacidades de processamento e de armazenamento dos dispositivos móveis. Empreendimentos imobiliários são hoje divulgados em dispositivos móveis na forma de maquetes virtuais de baixa qualidade, quando se compara com o grau de realismo que se pode obter em uma máquina high-end especializada em processamento gráfico. A interação propiciada é também pobre, em geral apenas com movimentações e visualizações limitadas e sem permitir interatividade com o ambiente (como deslocamento e troca de móveis, alterações da decoração, etc.). Usuários com experiências em jogos eletrônicos, acostumados a visualizar filmes em alta resolução e eventualmente em 3D e a não terem que esperar muito por informações requisitadas passam a ser mais exigentes e podem se tornar mais receptivos a experiências de marketing que se aproximam à sua realidade de convívio com as mídias digitais. O objetivo geral deste projeto é comprovar a viabilidade de se construir um produto que permita que dispositivos móveis como tablets e smartphones, de forma isolada ou com conexão sem fio a telas de televisores, possam ser utilizados para marketing de empreendimentos imobiliários. Usuários, público alvo de ações de marketing, devem ser capazes de navegar, visualizar, interagir e modificar maquetes virtuais de imóveis apresentadas com alto grau de detalhes e de realismo visual. Considerando que o Pesquisador Principal, proponente deste projeto, já alcançou resultados significativos em seu trabalho de mestrado, dois objetivos específicos, descritos adiante, foram estabelecidos para este projeto de forma a complementar os resultados já obtidos e alcançar o objetivo geral. Em seu trabalho de mestrado o Pesquisador Principal demonstra uma solução em que um processador remoto executa as interações do usuário, através de um tablet, sobre uma maquete virtual de um ambiente, e transmite os resultados de volta para o tablet em formato de vídeo. Duas demonstrações podem ser visualizadas no Youtube: Interação em modo tradicional em rede local sem imposição de atraso (https://www.youtube.com/watch?v=D66x1_3Oi5A) e interação em modo discreto em rede local com imposição de 300 ms de atraso (https://www.youtube.com/watch?v=wNyAyZKZDcQ). Denomina-se neste texto "versão mestrado" ou "versão atual" o estado da prova de conceito obtida no mestrado e "versão final" o estado da prova de conceito ao final deste projeto. Objetivo específico 1: Viabilizar e implementar a compatibilidade da versão final com serviços de processamento remoto em nuvem. A versão mestrado funciona adequadamente em rede local com uma única instância. Para a versão final, busca-se o aproveitamento de serviços de processamento remoto de aplicações 3D, como o Amazon Appstream, e propiciar disponibilidade e gerenciamento de instâncias para acesso simultâneo por múltiplos clientes. Objetivo específico 2: A versão mestrado baseia-se em aplicativo cliente compatível com tablets Android. Para a versão final busca-se a compatibilidade também com smartphones Android e a integração com dispositivos tipo "Chromecast" para permitir visualizações das maquetes eletrônicas em televisores. Nos trabalhos de concepção e desenvolvimento de software, tanto da parte backend como de aplicativo mobile será adotada a metodologia Scrum. O planejamento de interações deverá seguir a metodologia Lean Startup cujo princípio baseia-se em identificar mais rapidamente o que funciona e tem receptividade por usuários e descartar o que não funciona. (AU)

Matéria(s) publicada(s) no blog Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o auxílio:
Empresa desenvolve maquetes virtuais interativas para mercado imobiliário 
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.