Busca avançada
Ano de início
Entree

I Symposium on Wildlife Health - new paradigms and approaches & I Workshop on Wildlife Disease Risk Assessment - DRA

Processo: 17/13267-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Organização de Reunião Científica
Vigência: 25 de novembro de 2017 - 26 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Patrícia Locosque Ramos
Beneficiário:Patrícia Locosque Ramos
Instituição-sede: Fundação Parque Zoológico de São Paulo (ZOO). Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Saúde animal  Doenças dos animais  Análise de risco  Vida  Eventos científicos e de divulgação  Reuniões científicas 

Resumo

O conceito de One Health "Saúde Única" foi introduzido no início da década de 2000. Esse conceito reúne a ideia de que a saúde humana e a saúde animal são interdependentes e vinculadas à saúde dos ecossistemas em que existem. Essa maneira de olhar para a saúde exige mudanças que considerem o valor biológico, político e econômico da vida selvagem e as consequências da perda de biodiversidade. O processo conhecido como Análise de Risco de Doenças para Vida Selvagem - Wildlife Disease Risk Assessment (DRA) foi adotado pela União Internacional para Conservação da Natureza (Internation Union for Conservation of Nature - IUCN) e outras organizações, como a Organização Mundial de Saúde Animal (World Organization for Animal Health - OIE) com essa abordagem para analisar e gerenciar os possíveis resultados de situações envolvendo doenças em animais selvagens. Os riscos de doenças têm implicações imediatas para a conservação de espécies, bem como uma relevância mais ampla para outras disciplinas, incluindo a saúde humana, pecuária, agricultura, comércio e serviços ecossistêmicos. O simpósio que estamos propondo visa reunir cientistas acadêmicos, profissionais de organizações não-governamentias, técnicos e estudantes com atuação voltada à área de animais silvestres, ensino e saúde pública para promover um fórum de discussão sobre saúde silvestre e técnicas e exemplos de estudos em animais de vida livre com vistas à formação de recursos humanos. A programação inclui palestras magnas que terão a participação de pesquisadores nacionais e internacional e mesas redondas temáticas por área e grupos de especialistas. Nesse contexto, duas grandes instituições de renome, que representam as diversas vertentes da temática em saúde silvestre, se uniram para coorganizar o evento: Fundação Parque Zoológico de São Paulo, e CBSG - Grupo de Especialistas em Planejamento estratégico - parte da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.