Busca avançada
Ano de início
Entree

Exercicios de alongamento segmentar e fortalecimento no tratamento de pacientes com fibromialgia: um ensaio clinico randomizado.

Processo: 07/55444-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2007
Vigência (Término): 31 de março de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Amélia Pasqual Marques
Beneficiário:Ana Assumpção Berssaneti
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Fibromialgia   Ensaio clínico   Fisioterapia

Resumo

Fibromialgia é uma síndrome reumática de etiologia desconhecida caracterizada por dor musculoesquelética generalizada e crônica, pontos dolorosos à palpação e sintomas associados como a fadiga, distúrbios do sono, rigidez matinal, ansiedade e depressão. Os exercícios terapêuticos têm sido descritos como uma das alternativas principais no manejo da Fibromialgia. Este trabalho tem como objetivos: avaliar a eficácia do tratamento fisioterapêutico fundamentado nos exercícios de alongamento e fortalecimento na melhora dos sintomas e da qualidade de vida de pacientes com fibromialgia, comparar eficiência dos exercícios de alongamento segmentar e fortalecimento muscular e verificar se há manutenção dos possíveis benefícios destes tratamentos em médio prazo. O estudo será realizado no Ambulatório de Fibromialgia do serviço de Reumatologia do Hospital das Clínicas de São Paulo. Participarão do estudo 45 indivíduos com fibromialgia com idade entre 30-60 anos e serão divididos em três grupos cada um com 15 sujeitos: Grupo 1: alongamento segmentar; Grupo 2: fortalecimento muscular e Grupo 3: Controle. Os pacientes serão avaliados inicialmente, após o tratamento e três meses após o término da intervenção no seguinte formato: anamnese, Questionário de Impacto da Fibromialgia (QIF), Medical Outcomes Study 36-item Short-Form Health Survey (SF-36), Stanford Health Assessment Questionnaire, dolorimetria, teste de flexibilidade (teste do 3o dedo ao solo e goniômetro manual), avaliação de força (célula de carga) e testes funcionais (time to get up and go, alcance funcional e levantar da cadeira). O grupo 1 realizará exercícios de alongamento segmentar e o grupo 2 fará exercícios de fortalecimento muscular, sendo de baixo impacto e globais. O grupo 3 não realizará tratamento fisioterapêutico. Os dados serão analisados de forma descritiva e inferencial, com testes paramétricos e não-paramétricos, conforme adesão a curva normal. Toda a análise estatística será realizada ao nível de significância = 0,05. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BERSSANETI, Ana Assumpção. Exercícios de alongamento e fortalecimento muscular no tratamento de pacientes com fibromialgia: um ensaio clínico randomizado. 2010. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.