Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das propriedades ópticas e estruturais dos espinélios do tipo znal2o4 dopados com Eu3+ e Tb3+

Processo: 05/58269-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2006
Vigência (Término): 30 de abril de 2008
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Marian Rosaly Davolos
Beneficiário:Alison Abreu da Silva
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Luminescência   Terras raras   Dopagem eletrônica

Resumo

Neste trabalho será investigada a preparação do aluminato de zinco dopado com íons de terras raras através do método Pechini para obtenção partículas na ordem nanômetrica bem como a tentativa de preparação do material isomorfico ZnIn2O4 que ainda não foi relatado na literatura como fase pura. A dopagem com os íons de terras raras, em especial com Eu3+, deverá ser realizada de modo que se possa verificar como se comporta a estrutura do espinélio e a luminescência do material, frente a diferentes porcentagens de dopante. A obtenção de filmes dirigidos a aplicações em catodoluminescência será feita por spin-coating, utilizando como suporte placas de vidro do tipo CorningÒ. A caracterização será feita principalmente através de difratometria de raios X (DRX), microscopia eletrônica de transmissão (MET), espectroscopia vibracional na região do infravermelho (IV) e espectroscopia de luminescência. Os materiais obtidos serão testados frente a catodoluminescência e comparados com dados da literatura. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SILVA, Alison Abreu da. Estudo das propriedades ópticas e estruturais de espinélios do tipo 'ZNAL IND. 2 O IND. 4' contendo 'EU POT. 3+' ou 'TB POT. 3+'. 2008. 82 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Quimica. Araraquara.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.