Busca avançada
Ano de início
Entree

Distribution, phylogeographic structure and genetic variation in Brazilian freshwater red ALGAE (Batrachospermales - Rhodophyta)

Processo: 15/01360-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 28 de março de 2015
Vigência (Término): 19 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Orlando Necchi Junior
Beneficiário:Monica Orlandi Paiano
Supervisor no Exterior: Olivier Emiel Denise Pierre August De Clerck
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Ghent University (UGent), Bélgica  
Vinculado à bolsa:13/06436-5 - Distribuição, estrutura filogeográfica e variação genética de populações de algumas espécies de Rhodophyta da ordem Batrachospermales,no Brasil, BP.DR
Assunto(s):Batrachospermales   Rhodophyta

Resumo

O projeto propõe o estudo de populações de espécies de Rhodophyta, da ordem Batrachospermales, baseado em informações atualmente disponíveis (morfológicas e moleculares) assim como novas análises aqui propostas. As seguintes hipóteses poderão ser testadas: 1) a estrutura genética populacional deverá revelar padrão distinto entre as espécies, a qual estará relacionada às conexões biogeográficas históricas de cada espécie; 2) o número de haplótipos dentro de uma única população será pequeno (tipicamente 1 a 2), em contrapartida a um número bem mais elevado de haplótipos (tipicamente mais do que 5) no conjunto das populações de cada espécie; 3) a similaridade genética entre as populações será progressivamente menor quanto mais distantes entre si com maior divergência genética inter do que intrapopulacional para todos os marcadores utilizados; 4) as tendências de divergência genética para cada um dos marcadores testados serão congruentes entre si. Para testá-las, os seguintes objetivos são propostos: 1) avaliar os padrões de variabilidade genética de populações de várias espécies da ordem Batrachospermales (Rhodophyta) no Brasil através da análise de marcadores moleculares dos genomas nuclear e mitocondrial e também verificar se há correlação dessa variação com os dados ambientais obtidos; 2) determinar os níveis de diversidade do espaçador interno nuclear (ITS), do espaçador entre os genes das subunidades 2 e 3 da enzima citocromo c oxidase cox 2-3 e da região de "barcode" do gene cox 1 (que codifica a subunidade 1 da citocromo c oxidase); 3) estimar a variabilidade genética intra e interpopulacional esses três marcadores moleculares; 4) avaliar para cada espécie investigada os níveis de divergência genética entre as linhagens detectadas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PAIANO, MONICA ORLANDI; DEL CORTONA, ANDREA; COSTA, JOANA F.; LIU, SHAO-LUN; VERBRUGGEN, HEROEN; DE CLERCK, OLIVIER; NECCHI, JR., ORLANDO. Organization of plastid genomes in the freshwater red algal order Batrachospermales (Rhodophyta). JOURNAL OF PHYCOLOGY, v. 54, n. 1, p. 25-33, FEB 2018. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.