Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação da densidade e área fracional de células cloreto em brânquias de curimbatá, Prochilodus lineatus, expostos a nanopartículas de dióxido de titânio em diferentes pH

Processo: 15/04877-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:Marisa Narciso Fernandes
Beneficiário:Greyce Kelly Espolau da Silva Leite
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/05701-0 - Respostas integradas de curimbatá, Prochilodus lineatus (Teleostei) às nanopartículas de dióxido de titânio (TiO2) e identificação de biomarcadores para o monitoramento ambiental, AP.TEM
Assunto(s):Brânquias   Curimbatá   Prochilodus lineatus

Resumo

O uso de nanopartículas (NP), como as de dióxido de titânio (TiO2) tem aumentado nos últimos anos devido ao seu uso na fabricação de alimentos, cosméticos, medicamentos, protetores solares. A ausência de normas de descarte desses nanomateriais faz com que elas possam alcançar os ecossistemas aquáticos e causar alterações na biota. Além disso, fatores abióticos do meio aquático, como temperatura, pH, teor de oxigênio, dureza e matéria orgânica, podem modificar as características físico-químicas das NP-TiO2 e afetar os peixes que ali vivem. As brânquias são os primeiros órgãos em contato com xenobióticos na água, que se absorvidos, podem alterar as funções desses tecidos. O uso da microscopia eletrônica de varredura (MEV) fornecer informações detalhadas sobre a superfície do epitélio e permite uma análise bastante minuciosa sobre a densidade, forma e área das células de cloreto existentes no epitélio branquial e das respostas celulares frente um xenobiótico. Assim, o presente estudo tem por objetivo investigar os efeitos da exposição a concentração subletal de NP-TiO2 em diferentes pH (ácido, neutro e básico) em juvenis de P. lineatus, a partir da determinação da densidade e área fracional de células-cloreto (CC) em brânquias utilizando os recursos do MEV.