Busca avançada
Ano de início
Entree

Arquitetura de referência para sistemas de software Autoadaptativos: projeto e implementação do módulo de geração de código fonte

Processo: 15/10147-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Frank José Affonso
Beneficiário:Gabriele Salgado Benato
Instituição-sede: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Engenharia de software

Resumo

Os Sistemas de Software Autoadaptativo (SSA) tem emergido como um importante tipo de sistema de software. No entanto, o desenvolvimento deste tipo de software não é uma tarefa trivial, pois lida constantemente com adaptações (estruturais e comportamentais) em tempo de execução a fim de satisfazer as novas necessidades de seus usuários e/ou de contexto (ou seja, ambiente de execução). Em paralelo, Arquiteturas de Referência (AR) visam capturar a essência de arquiteturas de sistemas similares, facilitando o desenvolvimento de arquiteturas concretas para novos sistemas, novas versões de sistema, ou extensões de sistemas similares. Com base nesse contexto, Affonso & Rodrigues (2012), Affonso & Nakagawa (2013) e Affonso (2014) desenvolveram, em projetos anteriores, uma AR para SSA (AR-SSA). De agosto de 2013 a julho de 2014, dois projetos de Iniciação Científica (IC) foram conduzidos sob a supervisão do Prof. Dr. Frank José Affonso, sendo um PIBIC/CNPq e outro FAPESP (Processo: 2013/00283-2). Ambos os projetos estavam relacionados a essa arquitetura (AR-SSA) e a outros projetos maiores (CAPES/Nuffic e FAPESP). O projeto de IC PIBIC/CNPq tinha como objetivo projetar e implementar um subsistema para sistemas autocuráveis como um módulo de tal arquitetura (Affonso et al., 2015). Já o projeto de IC FAPESP tinha como objetivo implementar um módulo de reflexão baseado em reflexão computacional e aspectos (Souza et al., 2015). No final de ambos os projetos, algumas adversidades foram observadas após integração na AR-SSA. Dentre elas, destacam-se: (i) a dificuldade de criação/alteração do módulo gerador de código fonte; e (ii) o desempenho do referido módulo. Embora tais adversidades não representassem questões relacionadas ao escopo de ambos os projetos, os resultados destas podem ser considerados de grande relevância para o contexto de SSA. Assim, para contornar tais adversidades, este projeto tem como objetivo projetar e implementar um módulo gerador de código fonte para a AR-SSA. Para isso, um template-engine será usado como uma maneira de facilitar o desenvolvimento de modelos arquiteturais/sistemas de software, pois este módulo deve permitir que a adaptação seja realizada em três níveis: (i) sistemas de software; (ii) a arquitetura de software; e (iii) ambos. Além disso, a adaptação deve atender, em cada um desses níveis, a interesses estruturais, comportamentais, ou a combinação de ambos. Portanto, pretende-se, ao final deste projeto, ter um módulo gerador de código fonte de fácil desenvolvimento/modificação de modo que os níveis/interesses de adaptação supracitados possam ser atendidos. Além disso, espera-se que o problema de desempenho, tão relevante para o contexto de SSA, também apresente melhores resultados.