Busca avançada
Ano de início
Entree

Parâmetros imunológicos pós desafio com lipopossacarídeo de Escherichia coli (LPS) em vacas leiteiras suplementadas com Omnigen-AF®

Processo: 15/23373-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2016
Vigência (Término): 30 de abril de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:José Luiz Moraes Vasconcelos
Beneficiário:Franciele Caroline Firmino
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Imunocompetência   Vacas leiteiras   Bovinos leiteiros

Resumo

O objetivo deste estudo é avaliar se a suplementação com Omnigen-AF® durante o período de transição e início de lactação (d46) melhora a imunocompetência de vacas leiteiras desafiadas com lipopossacarídeo (LPS) de Escherichia coli. Vinte vacas multíparas ¾ Holandês-Gir prenhas não-lactantes serão estratificadas de acordo com peso corporal (PC) e escore de condição corporal (ECC) 30 dias antes da data prevista do parto e designadas para um de dois tratamentos: 1) dieta formulada para atender exigências de mantença e lactação com suplementação de 56g/animal/dia de Omnigen-AF®; ou 2) dieta formulada para atender exigências de mantença e lactação com suplementação de 56/g/animal/dia de Caolin (substancia interte no rúmen). Os animais serão mantidos em piquetes com sombra natural, água e silagem de milho ad libitum durante todo o período experimental. O concentrado e a suplementação (Omnigen-AF® ou Caolin) serão fornecidos individualmente em sistemas de canzil durante o período experimental. Semanalmente será realizada a pesagem dos animais e o ECC avaliado quinzenalmente. A produção leiteira de cada animal será aferida diariamente. No d46 ± 3 do experimento, vacas serão desafiadas com infusão intravenosa de LPS para análise das concentrações plasmáticas de haptoglobina e TNF- ±. Os dados serão analisados utilizando o procedimento MIXED do SAS. Os dados de haptoglobina e TNF-± serão analisados como medidas repetidas.