Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito sinergético em compósitos piezoelétricos trifásico biopolímero/nanopartículas condutoras/PZT, visando aplicação como sensores

Processo: 17/19913-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2018
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrônicas, Instrumentação
Pesquisador responsável:Michael Jones da Silva
Beneficiário:Diego Silva de Melo
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rosana. Rosana , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais compósitos   Biopolímeros   Transformadores trifásicos   Titanato zirconato de chumbo   Propriedades mecânicas   Sensores piezoelétricos   Piezoeletricidade   Ensaios mecânicos   Microscopia eletrônica de varredura

Resumo

Nos dias atuais tem sido grande a procura por materiais inteligentes que sobre ação de um estimulo externo tem suas propriedades físicas ou/e químicas modificadas como resposta. Dentro dessa classe, destaque-se os materiais piezoelétricos, que sob a ação de um estimulo externo produzem uma corrente elétrica. Este projeto tem por objetivo o desenvolvimento de um novo compósito piezoelétricos trifásico biopolímero/cerâmica ferroelétrica com conectividade 0-3 e com uma terceira fase condutora (negro de fumo) visando sua aplicação como sensor piezoelétrico. A principal inovação do projeto é a utilização de uma matriz polimérica proveniente de fonte renovável e natural, como poliuretano a base de óleo de mamona visando agregar ainda mais valor a esses produtos nacionais. A técnica de MEV será utilizada para estudar a morfologia do compósito, bem como a distribuição do particulado cerâmico e das nanopartículas de negro de fumo. Ensaios mecânicos serão realizados para avaliar as propriedades mecânicas dos compósitos e averiguar a boa interação nas fases nas propriedades mecânicas finais do compósito. A avalição do coeficiente piezoelétrico das amostras será realizada em função do campo elétrico do aplicado, da quantidade de particulados cerâmicos, e da quantidade de particulado condutor. Por fim, será proposto o desenvolvimento sensor piezoelétrico para prevenção de rachaduras em construção.