Busca avançada
Ano de início
Entree

Seleção de isolados bacterianos produtores de polihidroxialcanoatos (PHAs) a partir de carboidratos presentes em melaço de soja e casca de Eucalyptus SP

Processo: 19/20338-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2019
Vigência (Término): 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:José Gregório Cabrera Gomez
Beneficiário:João Victor Naufal
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Biotecnologia   Bioprodutos   Cascas de eucalipto   Melaço   Poli-hidroxialcanoatos

Resumo

O uso dos plásticos derivados do petróleo em grande quantidade pelo comércio e indústria, apesar de prático e comparativamente mais barato, traz consequências ambientais decorrentes do acúmulo de lixo plástico no meio ambiente. Por outro lado, polihidroxialcanoatos (PHAs) são polímeros biodegradáveis com propriedades termoplásticas produzidos por procariontes, tendo potencial para substituir os plásticos convencionais. Além de sua biodegradabilidade, os PHAs podem ser produzidos a partir carboidratos presentes em co-produtos agroindustriais, como melaço de soja e cascas de eucalipto, o que diminui seus custos de produção e torna esse produto ainda mais sustentável. Nesse projeto, buscaremos selecionar isolados bacterianos que melhor produzam PHAs a partir desses dois co-produtos, que são amplamente produzidos pela agricultura brasileira.