Busca avançada
Ano de início
Entree

A gênese e desenvolvimento da organização curricular de matemática em um município paulista

Processo: 19/25662-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2020
Vigência (Término): 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Ensino-aprendizagem
Pesquisador responsável:Elaine Sampaio Araujo
Beneficiário:Mirian França Santos
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/07750-3 - Gênese e desenvolvimento da organização do ensino de matemática em um município paulista, AP.EP

Resumo

Trata-se de um projeto realizado no âmbito do Programa "Melhoria do ensino público" e tem como objeto de estudo a organização do ensino, que se apresenta na qualidade das propostas curriculares presentes na rede municipal a qual a pesquisa se vincula. Ao considerar tais propostas curriculares, como expressões da organização do ensino, interessa-nos compreender quais são as múltiplas determinações presentes no movimento dialético entre proposição e ação da organização curricular do ensino. Diante da variedade de propostas curriculares vigentes na rede municipal e nos usos e impactos que elas têm na organização do ensino, são questões norteadoras da pesquisa: por quais razões são adotadas diferentes propostas curriculares? Como e por quem são geridas? Como os professores se relacionam com elas? Como as utilizam em sala de aula? Quais são as convergências e divergências, em termos de conteúdo e forma, entre elas? Como se articulam tais propostas no caso específico da organização do ensino de matemática? Em síntese, na busca por organizar o ensino, qual é o movimento curricular e como ele é vivenciado, considerando desde a prescrição, a realização, a avaliação e a prospecção? Nesse sentido, o estudo da gênese e desenvolvimento da organização curricular, na dimensão da organização do ensino, implica em observar o fenômeno em seu processo de surgimento e mudança, razão pela qual se faz necessário um estudo longitudinal, que acompanhe as propostas instituídas e as que se apresentarem como processo e produto da investigação. Para tanto, a rede municipal de ensino se representará por meio das escolas-campo na qual as professoras participantes do projeto atuam, que no momento se constituem em cinco unidades de ensino e pela Secretaria Municipal de Educação. A constituição de um grupo, como coletivo produtivo, prevê a participação de gestores e professores, alunos de graduação, alunos de pós-graduação e pesquisadores colaboradores em encontros sistemáticos, na Universidade e nas escolas. A dimensão lógica do projeto se apresenta em três níveis, que se relacionam dialeticamente entre si: Princípios, Práticas e Possibilidades. Em cada etapa de pesquisa estão previstas ações e procedimentos adequados aos objetivos, todos perpassados pelo estudo do referencial teórico-metodológico, a perspectiva histórico-cultural, o que inclui estudos acerca de processos de aprendizagem e desenvolvimento; do currículo como atividade; de conceitos fundamentais de matemática e da elaboração de atividades de ensino, de forma a alcançar o objetivo geral da pesquisa que consiste em compreender a gênese e desenvolvimento de propostas curriculares presentes na rede municipal e suas implicações para organização do ensino em sala de aula.