Busca avançada
Ano de início
Entree

Benedito Barraviera

CV Lattes ResearcherID ORCID


Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Faculdade de Medicina (FMB)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Graduado em Medicina pela Faculdade de Medicina de Botucatu da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP (1977), especialista em Medicina Tropical pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (1979), Mestre (1984) e Doutor (1986) em Medicina Interna pela UNESP. Professor Livre-Docente (1993) e Titular (1999) de Infectologia pela Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP. É Pesquisador do Centro de Estudos de Venenos e Animais Peçonhentos da UNESP (CEVAP), Editor Emérito do The Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Diseases (http://www.jvat.org) - Fator de impacto JCR® 2020 = 2.831, CiteScore Scopus 2020 = 4.10, Cites/Doc Scopus 2020 = 2.710, Quartil um (Q1) na Área de Zoologia e Ciência Animal e Professor Titular de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP. Tem experiência em Toxinologia, Medicina Tropical, Pesquisa Clínica e Editoração científica atuando principalmente nas seguintes Disciplinas: Moléstias Infecciosas e Parasitárias, Infectologia, Toxinologia (acidentes com animais peçonhentos), Pesquisa clínica (ensaios clínicos), Educação a distância e Editoração científica. Fundador e Diretor do Centro de Estudos de Venenos e Animais Peçonhentos da UNESP (Diretor em 1993-1997, 2006-2014 e 2018-2021), Pró-Reitor de Extensão Universitária (2001-2004) e Presidente da Associação Brasileira de Editores Científicos - ABEC (2008-2012). A partir de 2005 tornou-se coordenador do Grupo de Pesquisa em Toxinologia certificado pela Unesp e CNPq. A partir de 2014 aprovou e tornou-se Vice coordenador do National Institute of Science and Technology of Wildlife Science Center (WSC), INCT, CNPq Proc. No. 465429/2014-9. Coordenou até 2021 dois ensaios clínicos fase I/II denominados respectivamente: Uso do selante heterólogo de fibrina no tratamento de úlceras venosas crônicas e Uso do novo soro antiapílico no tratamento de múltiplas picadas de abelhas africanizadas Apis mellifera. Estes dois produtos vêm sendo desenvolvidos há mais de 20 anos em parceria com o Instituto Vital Brazil do Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Em 2018 o Ministério da Saúde aprovou a construção da Fábrica-Escola para Produção de Amostras de Medicamentos Biológicos para Pesquisa Clínica no CEVAP-UNESP, Campus de Botucatu. O acordo foi estabelecido em 2018 (Proc. No. 873706/2018) entre a Caixa Econômica Federal e a UNESP, a licitação já foi concluída e a construção teve início em 2022. Em 2019 foi indicado e empossado como Membro Titular da Academia de Ciências Farmacêuticas do Brasil e em 2021 tornou-se Correspondiente Extranjero de la Real Academia Nacional de Farmacia (RANF) de España. Em 2021 foi contemplado com uma Bolsa de Produtividade em Pesquisa, nível PQ-2, pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, (CNPq Proc. No. 306339/2020-0). ORCID https://orcid.org/0000-0002-9855-5594. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Veneno que cola 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 24/09/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: