Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e caracterização de scaffold de matrix extracelular decelularizada combinada com quitosana e carregado com secretomas de células-tronco na bioengenharia da polpa dentária

Processo: 18/14694-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2018 - 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Maria Stella Nunes Araujo Moreira
Beneficiário:Maria Stella Nunes Araujo Moreira
Instituição-sede: Universidade Ibirapuera (UNIB). Campus Chácara Flora. São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Gabriel Romero Liguori ; Itamara Lucia Itagiba Neves ; Luiz Felipe Pinho Moreira
Assunto(s):Células-tronco  Engenharia tecidual 

Resumo

A utilização da bioengenharia tecidual com abordagens terapêuticas baseadas no homing de células-tronco em dentes com indicação de tratamento endodôntico tem se mostrado promissora. O entendimento de como estimular o recrutamento, proliferação e diferenciação de células-tronco advindas do periodonto apical permitiria a condução de estudos translacionais utilizando o homing de células-tronco para regeneração dos tecidos dentais. Em estudo preliminar, investigamos a aplicação de procedimento endodônticos regenerativos, em dentes vitais de ratos, baseado no homing de células-tronco dos tecidos periapicais para dentro do scaffold natural (coágulo sanguíneo) no canal radicular, que resultou na formação de tecido conjuntivo similar à polpa dentária. No presente estudo, temos os seguintes objetivos: 1) desenvolver e caracterizar scaffolds hidrogéis naturais; 2) obter substâncias secretadas por células-tronco (secretomas) e incorporar nos scaffolds; 3) investigar taxas e cinética de liberação dos secretomas; 4) analisar in vitro as respostas celulares aos scaffolds funcionalizados com secretomas; e 5) investigar a aplicação pré-clínica dos scaffolds na regeneração pulpar baseada no homing de células-tronco. Os scaffolds serão desenvolvidos a partir de matriz extracelular decelularizada, quitosana ou uma combinação dos dois materiais. Em seguida, serão caracterizados quanto à composição bioquímica, análise topográfica e ultraestrutural, além das propriedades físico-químicas. Secretomas obtidos de células isoladas de polpa dentária caracterizadas como células-tronco serão incorporados nos scaffolds e a cinética de liberação será investigada. Células-tronco cultivadas nos scaffolds serão avaliadas in vitro quanto ao seu potencial de proliferação, migração e diferenciação. Finalmente será investigado in vivo o potencial dos scaffolds carregados com secretomas na bioengenharia pulpar baseada no homing de células-tronco em molares de ratos com necrose e lesão periapical induzida. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.