Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de scaffold hidrogel de quitosana carregado com secretomas de célula tronco da polpa dentária

Processo: 18/01501-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Maria Stella Nunes Araujo Moreira
Beneficiário:Giovanna Lopes Carvalho
Instituição-sede: Universidade Ibirapuera (UNIB). Campus Chácara Flora. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Engenharia tecidual   Células-tronco   Tecidos suporte   Regeneração tecidual guiada periodontal   Hidrogéis   Quitosana

Resumo

Quando a vitalidade da polpa dentária é perdida devido ao trauma ou doenças infecciosas é necessário realizar tratamento endodôntico, o que resulta em dentes não vitais com perda de características mecânicas (mais frágil e mais suscetível a fraturas) e sensoriais. Para contornar este problema, a regeneração do tecido pulpar com base em engenharia de tecidos com células tronco endógenas parece ser promissora. Scaffolds, fatores de crescimento e quimiocinas também são elementos essenciais no estudo na engenharia pulpar. Em estudo preliminar, foi investigado procedimento endodôntico regenerativo baseado nos elementos da engenharia tecidual onde foi realizado a remoção completa da polpa em canais radiculares de molares de ratos, tratados com EDTA e o homing de células-tronco dos tecidos periapicais para dentro de scaffold natural (coágulo sanguíneo) resultaram na formação de tecido conjuntivo similar à polpa dentária. No entanto, essa formação tecidual ocorreu em apenas alguns canais, provavelmente pela instabilidade do coágulo sanguíneo, baixa sobrevivência celular e influência do ambiente avascular dentro do canal radicular. Buscando uma melhor forma de atrair células tronco endógenas para dentro do canal radicular, aumentar viabilidade celular e promover angiogênese para que ocorra a regeneração pulpar, tem-se investigado scaffolds em associação a fatores de crescimento e quimiocinas para procedimentos endodônticos regenerativos. Desta forma, verificamos a necessidade de realizar estudo com objetivo de desenvolver scaffold hidrogel injetável carregado com substâncias liberadas por células tronco de polpa (secretomas) que estimulem migração, viabilidade e angiogênese. Inicialmente, células tronco da polpa dentárias (CTs) serão isoladas, caracterizadas por citometria de fluxo e cultivadas para a obtenção de secretomas. A seguir, hidrogel de quitosana será carregado com os secretomas e iremos quantificar o fator de crescimento vascular endothelial growth fator (VEGF) e a quimiocina stromal derived factor (SDF-1) secretados pelas células tronco. Finalmente investigaremos a concentração e cinética de liberação de VEGF e SDF-1 até 21 dias por ELISA. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.