Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de robô de chapisco com eletrodo na manutenção de moendas de cana de açúcar e ensaios de desempenho

Processo: 18/22465-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de novembro de 2019 - 31 de outubro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Mecânica - Projetos de Máquinas
Convênio/Acordo: FINEP - PIPE/PAPPE Subvenção
Pesquisador responsável:Sergio Tsukahara
Beneficiário:Sergio Tsukahara
Empresa:MC Supply Comércio, Importação, Exportação e Intermediação de Negócios Ltda
Município: Santa Bárbara D'Oeste
Pesquisadores principais:Cesar de Almeida da Fonseca ; Newton Pedro Rosa Vianna Junior
Pesq. associados: Marcos Daniel de Lima
Assunto(s):Indústria agrícola  Robôs industriais  Automação  Setor sucroenergético  Cana-de-açúcar 

Resumo

O setor sucroenergético está inserido no sistema agroindustrial da cana, um dos mais antigos e importantes do país. A partir dos anos 1970 as escalas de produção e moagem da cana cresceram, assim como foram atingidos ganhos em produtividade e, nos dias atuais com a política pública RENOVA BIO (estratégia assumida pelo Brasil, Acordo de Paris) esse setor retomará seu crescimento. O processo de produção de açúcar ou de bioetanol começa com atividades no campo, para, em seguida, ter início o processo industrial com a limpeza da cana, seguida pela operação de moagem, extraindo o máximo do caldo por meio de esmagamentos da camada de cana preparada. As moendas de cana empregadas no processo de extração ficam sujeitas durante sua operação, a desgastes e, para proteger suas camisas, é aplicada camada de revestimento duro, denominado chapisco, que acaba influenciando favoravelmente na durabilidade, resistência ao desgaste e, eficiência na extração da sacarose. O chapisco consiste em respingos de solda fixados na lateral do friso dos rolos da moenda, formando um efeito de lixa grossa para arrastar e espremer o bagaço no rolo a ser esmagado. Sua aplicação ocorre em dois momentos, um deles na entressafra preparando a moenda para a próxima safra e, um segundo momento durante toda a safra e, com ela em operação. A MC SUPPLY COMERCIO & INTERMEDIAÇÃO DE NEGOCIOS LTDA (nome fantasia DUO Automation) desenvolve, fabrica, comercializam e locam produtos voltados ao setor sucroenergético e, nessa submissão a empresa procurará desenvolver o complemento de produto industrial, classificado pela empresa como novas tecnologias de automação aplicadas na operação de moagem da cana pelo emprego de robô de chapisco com uso de eletrodos. A DUO Automation concluiu o projeto de desenvolvimento de produto, já sendo utilizado pelo setor, nas condições de aplicação de soldagem nos rolos superiores da moenda e, nessa proposta a empresa pretende desenvolver os mesmos princípios nas condições dos rolos inferiores. Propõe: 1) Adequar e desenvolver protótipo denominado robô de chapisco com uso de eletrodos para a aplicação na base inferior da moenda; 2) Conduzir os ensaios de validação representados por ensaios no campo durante uma safra apoiada por empresa parceira; e, 3) Fortalecer o modelo do desenvolvimento comercial do produto. Os resultados dessa proposta vão de encontro às pressões que o Ministério do Trabalho vem realizando junto às usinas, no que diz respeito às condições de trabalho na operação de aplicação do chapisco (risco ao trabalhador), que nos dias atuais o serviço vem sendo feito por profissionais classificados como chapiscadores (soldadores de rugosidade) ou, com robôs de solda a base arame que não substituem totalmente o trabalho humano. As atividades de manutenção dos rolos da moenda favorecem a exposição do profissional em condições inseguras e de periculosidade expondo-os a riscos de acidentes, por exemplo, a exposição e condições elevadas de temperatura da água empregada no processo de embebição, exposição a vapores produzidos pela água de embebição e, exposição aos fumos produzidos pela queima do revestimento do eletrodo, contendo toxidez. (AU)