Busca avançada
Ano de início
Entree

EMU concedido no processo 2019/09215-6: estereomicroscópio Leica modelo M205C

Processo: 20/07895-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Equipamentos Multiusuários
Vigência: 01 de novembro de 2020 - 31 de outubro de 2027
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Fernando Barbosa Noll
Beneficiário:Fernando Barbosa Noll
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Pesq. associados: Dr Graham Ronald Brown ; Eduardo Andrade Botelho de Almeida ; Eduardo Fernando dos Santos ; James Michael Carpenter ; John Warren Wenzel ; Lars Krogmann
Vinculado ao auxílio:19/09215-6 - Desimpedimento taxonômico de vespas aculeadas: visões micro e macro-regionais da fauna neotropical, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Biogeografia  Sistemática  Análise cladística  Hymenoptera  Vespas  Equipamentos multiusuários  Aquisição de equipamentos  Infraestrutura de pesquisa 
As informações de acesso ao Equipamento Multiusuário são de responsabilidade do Pesquisador responsável
Página web do EMU: Página do Equipamento Multiusuário não informada
Tipo de equipamento: Tipo de Equipamento Multiusuário não informado
Fabricante: Fabricante não informado
Modelo: Modelo não informado

Resumo

A Taxonomia consiste no ramo da biologia que nomeia, descreve, identifica e classifica espécies e grupos, viventes e extintos, o que a qualifica como uma importante ciência que serve como base principal para qualquer política que tenha como objetivo evitar a crise de biodiversidade atual. Em contrapartida à necessidade de taxonomistas, tem havido um declínio no número de profissionais e na disponibilidade de recursos que fomentem estudos na área, o que foi denominado "Impedimento Taxonômico". Contudo, nem sempre se vêem tentativas de remoção de tais impedimentos para grandes grupos. Os Hymenoptera são um bom exemplo de um grupo com alta diversidade e carência de especialistas. Estima-se que o número de espécies de himenópeteros ultrapasse 130.000, com 10.000 espécies apenas no Brasil. Entre eles estão as vespas aculeadas (Aculeata), clado que abrange os himenópteros cujo ovipositor é modificado em aparelho de ferrão. Essa proposta tem por objetivos produzir resultados que contribuam em dois níveis do conhecimento: 1, atuar no desimpedimento taxonômico de várias famílias de vespas aculeadas, de modo a produzir dados que auxiliem no conhecimento e descrição da biodiversidade da fauna Neotropical e 2, sanar os principais problemas sistemáticos e biogeográficos enfrentados para o conhecimento da diversidade de táxons específicos dentro deste grupo. Para tanto, propõem-se estudos de taxonomia, sistemática e biogeografia de vários grupos de Hymenoptera grandemente negligenciados. (AU)