Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de pimentão com diferentes manejos de polinização

Processo: 04/12479-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2005 - 30 de abril de 2006
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Antônio Ismael Inácio Cardoso
Beneficiário:Antônio Ismael Inácio Cardoso
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Capsicum annuum  Híbridos  Pimentão  Polinização 

Resumo

O experimento será conduzido na Fazenda Experimental Lageado, localizada no município de Botucatu - SP, pertencente à Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) da Universidade Estadual Paulista (UNESP), Campus de Botucatu, com o objetivo de avaliar a produção de pimentão através de diferentes técnicas de polinização. Serão avaliados 4 híbridos comerciais (Magali R, Margarita, Rúbia R e Elisa) em um delineamento experimental em blocos ao acaso com 3 tratamentos de polinização (1- autopolinização natural, com proteção da flor com um saco de papel; 2- polinização natural, sem proteção da flor; 3- polinização natural, com estímulo vibratório da planta), 4 repetições e 5 plantas por parcela. Serão avaliadas as seguintes características: porcentagem de pegamento de frutos, peso do fruto, comprimento do fruto, diâmetro do fruto, relação comprimento pelo diâmetro e a produção (peso e número) de sementes por fruto. A análise será realizada no esquema fatorial (4 híbridos x 3 tratamentos de polinização), totalizando 12 tratamentos, e as médias serão comparadas pelo teste de Duncan (5%). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ANTONIO ISMAEL INÁCIO CARDOSO. Produção de pimentão com vibração das plantas. Ciência e Agrotecnologia, v. 31, n. 4, p. 1061-1066, Ago. 2007.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.