Busca avançada
Ano de início
Entree

Calangos: um jogo computational para ensino e aprendizagem de evolução e ecologia

Processo: 10/08515-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2011 - 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação
Pesquisador responsável:Leandro Nunes de Castro Silva
Beneficiário:Leandro Nunes de Castro Silva
Instituição-sede: Escola de Engenharia (EE). Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Instituto Presbiteriano Mackenzie. São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Angelo Conrado Loula ; Luiz Antonio Carraro
Bolsa(s) vinculada(s):13/05243-9 - Calangos: um jogo computacional para ensino e aprendizagem em evolução e ecologia, BP.TT
12/15337-8 - Calangos: um jogo computacional para ensino e aprendizagem de evolução e ecologia, BP.TT
12/16315-8 - Calangos: um jogo computational para ensino e aprendizagem de evolução e ecologia, BP.TT
11/12104-0 - Calangos: um jogo computacional para ensino e aprendizagem em evolução e ecologia, BP.TT
11/12250-6 - Calangos: um jogo computational para ensino e aprendizagem de evolução e ecologia, BP.TT
Assunto(s):Jogos eletrônicos  Jogos de computador  Jogos educativos  Ensino e aprendizagem  Educação ambiental 

Resumo

Jogos computacionais vêm se tornando um setor econômico cada vez mais atrativo. Em 2008 chegou a movimentar 48 bilhões de dólares no mundo e, mesmo em épocas de crise financeira, houve crescimento significativo desse mercado no Brasil e em outros países. Grande parte desse mercado é voltado para o lazer e o entretenimento. Contudo, uma área na qual a utilização de jogos eletrônicos vem sendo cada vez mais explorada é a educação. Neste contexto, os jogos eletrônicos educativos permitem que a escola também se ajuste às novas gerações de estudantes, cuja experiência é fortemente marcada por recursos como o computador, a Internet, os jogos eletrônicos, em vez de apenas demandar dos estudantes que se ajustem a ela. Calangos é um jogo de uso livre e código aberto, que teve seu desenvolvimento inicial entre os anos de 2006 e 2010 por uma equipe interdisciplinar, formada por pesquisadores da UFBA, da UEFS e do MACKENZIE. O jogo tem grande potencial no que diz respeito à melhoria, no nível médio de escolaridade, do ensino de ecologia e evolução, dois assuntos que têm importância central na educação para a cidadania e a tomada de decisões socialmente responsáveis. Ele é baseado na modelagem de um caso ecológico real, situado no contexto das Dunas do Médio São Francisco, no Estado da Bahia, investigado por pesquisadores brasileiros e tem como personagens principais três lagartos endêmicos desse ecossistema, dos gêneros Tropidurus, Eurolophosaurus e Cnemidophorus. Logo, o jogo Calangos traz em si a vantagem, em termos educacionais, de que se baseia em um ecossistema real e bem característico do nordeste brasileiro. Essa inspiração em um caso ecológico real visa, principalmente, criar situações autênticas e significativas para os alunos, um requisito importante para a aprendizagem, de acordo com as bases teóricas empregadas no desenvolvimento do jogo, a saber, a Teoria da Aprendizagem Significativa.Este jogo eletrônico educativo deve funcionar como ferramenta de apoio ao ensino e aprendizagem de ecologia e evolução no nível médio de escolaridade. Assim, não se trata de um jogo de exposição direta de conteúdos a serem aprendidos pelo estudante-jogador, mas de aprendizagem decorrente da experiência na tentativa de resolver situações-problema. Para criar a situação-problema na qual os conceitos em foco de fato são relevantes, o jogo deve simular o cenário e sua dinâmica de forma a permitir que a estratégia de jogo desenvolvida pelo jogador melhore a medida que ele compreende os conceitos e aplica o que aprendeu. Calangos é, então, um jogo de simulação e ação com visualização 3D em primeira ou terceira pessoa. Ele foi projetado para quatro fases, sendo que a primeira está em etapa de conclusão e disponível para download no sítio http://calangos.sourceforge.net/. Nela, o estudante-jogador atua como o personagem principal, um lagarto, cujo objetivo é sobreviver, desenvolver-se e reproduzir. Para alcançar os objetivos, os principais desafios que o jogador enfrenta dizem respeito à ecofisiologia (em particular, a regulação da temperatura corporal por meio do comportamento) e às relações ecológicas do personagem com o ambiente físico e com outros seres vivos do ecossistema, sobretudo predadores e presas. Desde sua concepção, no início de 2006, o projeto é interdisciplinar e multi-institucional, envolvendo pesquisadores com expertise em Biologia, Ensino de Ciências, Computação e Sistemas Inteligentes (especificamente Computação Natural). Essa proposta busca dar continuidade à pesquisa e desenvolvimento iniciada com recursos já obtidos da FINEP e com vigência encerrada, com o objetivo de concluir a elaboração dos modelos computacionais e simulações de acordo com a demanda das demais fases do jogo Calangos, conforme será detalhado no projeto. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.