Busca avançada
Ano de início
Entree

Projeto e desenvolvimento do correlacionador versátil de baixo custo para o Brazilian Decimetric Array - BDA

Processo: 11/17183-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 12 de fevereiro de 2012 - 14 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Instrumentação Astronômica
Pesquisador responsável:Hanumant Shankar Sawant
Beneficiário:Hanumant Shankar Sawant
Pesquisador visitante: Sandeep Kumar Sirothia
Inst. do pesquisador visitante: Tata Institute of Fundamental Research (TIFR), Índia
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/55883-0 - Desenvolvimento do Brazilian Decimetric Array (fase II), AP.TEM
Assunto(s):Interferometria  Interferometria de Longa Linha de Base  Radiointerferômetros  Circuitos FPGA  Brazilian Decimetric Array (BDA)  Intercâmbio de pesquisadores  Cooperação internacional 

Resumo

O Dr. Sandeep K. Sirothia, do NCRA-TIFR, está participando do desenvolvimento do projeto BDA desde 2004. Atualmente está desenvolvendo, na Índia, o software necessário para o projeto BDA de 38 antenas com duas polarizações, com sistema com capacidade de rastreio de 8 horas. Com a orientação do Dr. Sandeep, a empresa Neuron Eletrônica de São José dos Campos, desde novembro de 2010, está desenvolvendo o sistema de hardware do correlacionador e irá finalizar a parte eletrônica do correlacionador até o início de outubro de 2011. Nesta visita, ele verificará o hardware do sistema correlacionador, juntamente com a empresa Neuron. Promoverá a instalação de software desenvolvido na Índia, juntamente com a equipe do BDA. Testará o funcionamento deste correlacionador juntamente com 8 antenas no modo trânsito e rastreio, observando o Sol e Cygnus A, sendo que, atualmente, o novo sistema de rastreio está instalado e funcionado em 8 antenas do arranjo. Isto permitirá à equipe do BDA iniciar os testes no modo trânsito das outras antenas quando os receptores e outros sistemas forem instalados. O mais importante é que vai permitir aos dois pesquisadores visitantes da FAPESP, dar continuidade sem atrasos nos seus projetos em andamento. A Equipe da Intelligent Motion vai instalar o sistema de rastreio nas outras 18 antenas do arranjo, juntamente com o Dr. Sandeep utilizando o correlacionador desenvolvido. O que vai permitir testar a precisão do sistema de rastreio das 26 antenas juntas, e principalmente o sincronismo das 26 antenas. (AU)