Busca avançada
Ano de início
Entree

Padronização dos hidrocarbonetos da pirólise de plástico (PP, PE e PS) para uso combustível em aplicações industriais

Processo: 17/01005-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de outubro de 2017 - 31 de março de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Robson Cristiano Martins
Beneficiário:Robson Cristiano Martins
Empresa:Bioware Desenvolvimento e Tecnologia em Energia e Meio Ambiente Ltda
Município: Campinas
Assunto(s):Pirólise  Combustíveis  Reciclagem  Materiais recicláveis  Plásticos 

Resumo

O mercado consumidor de combustíveis e insumos químicos de origem fóssil incorporam novas alternativas em suas cadeias produtivas desde que existam ganhos econômicos comprovados. As vantagens ambientais por sim só, ainda não são suficientes para justificar investimentos nesta área. A reciclagem de plásticos no Brasil é uma atividade efetuada por empresas recicladoras, que recuperam esses materiais por meio de processos mecânicos como: separação, moagem, lavagem, secagem, granulação, entre outros. Os materiais reciclados são convertidos em novos produtos plásticos, usados na fabricação de artefatos variados ou aterrados. Essa pratica é uma solução paliativa ao problema do descarte de plásticos. Este projeto tem como finalidade otimizar e padronizar hidrocarbonetos produtos da pirólise de plásticos (PP, PE e PS) e suas misturas utilizando para o estudo um reator de leito fixo, denominado SIVOMO-250 e um reator de leito fluidizado, modelo SIVOBI-P-200, ambos da empresa Bioware. A FASE I estudará o efeito dos plásticos puros e suas misturas na distribuição e qualidade dos produtos líquidos gerados (SIVOMO-250). A partir dos resultados desse estudo, testes a diferentes níveis temperatura serão conduzidos no reator de leito fluidizado (SIVOBI-P200), usando como agente de fluidização ar. Espera-se no final desta fase a comprovação da viabilidade técnica da transformação dos plásticos vias pirólise e da padronização dos combustíveis. Seguidamente será solicitado o registro das frações de hidrocarbonetos na ANP para seu uso em aplicações industriais. Na Fase II será avaliada e viabilidade econômica da comercialização dos novos combustíveis derivados de plásticos e realizados testes industriais. (AU)

Matéria(s) publicada(s) no Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o auxílio:
Conversão de biomassa substitui combustíveis fósseis por renováveis 
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (3 total):
Conversão de biomassa substitui combustíveis fósseis por renováveis 
Empresa-filha Bioware é pauta na Pesquisa para Inovação da FAPESP 
Conversão de biomassa substitui combustíveis fósseis por renováveis, FAPESP