Busca avançada
Ano de início
Entree

Polimerização radicalar viva em meios dispersos: abordagem experimental e computacional

Processo: 09/04006-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 31 de julho de 2011
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Liliane Maria Ferrareso Lona
Beneficiário:German Giovanny Chaparro Montezuma
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Polimerização   Emulsão

Resumo

A polimerização via radical livre é uma das mais importantes técnicas para produção de polímeros, mas apresenta uma limitação quanto ao controle de alguns elementos-chave do polímero como peso molecular, polidispersidade e arquitetura da cadeia. Polímeros com estruturas bem definidas têm sido obtidos através de uma nova e promissora rota: a polimerização controlada via radical livre, que é capaz de produzir polímeros com distribuições de pesos moleculares estreitas e polidispersidades próximas da unidade. Embora a polimerização controlada tenha sido aplicada com sucesso em sistemas mássicos, a sua aplicação em sistemas heterogêneos ainda não foi muito explorada. Alguns trabalhos considerando mini-emulsão podem ser vistos em literatura, mas pouco foi desenvolvido considerando a polimerização em emulsão. A polimerização em emulsão é hoje uma técnica de considerável importância para a produção comercial de vários tipos de polímeros, devido às suas muitas vantagens com relação a outros métodos de produção, entretanto, a aplicação desta técnica para produção de polímeros controlados é ainda um desafio, não apenas pela maior complexidade do sistema, mas também pelo fato da polimerização controlada ocorrer a altas temperaturas, o que poderia desencadear polimerizações nas gotas de monômero da emulsão, em função da iniciação térmica que pode ocorrer nos monômeros estirênicos, alem de instabilidade no sistema. Nesse projeto, será estudada a polimerização em emulsão via radical livre controlada mediada por nitróxido considerando o processo ab initio, através de procedimentos experimentais e da simulação do sistema. Como monômero, será considerado o estireno. A polimerização será realizada em reator tanque agitado de 1 litro de capacidade. Os dados experimentais obtidos serão utilizados para a validação do modelo e ajuste de parâmetros. Propriedades importantes do polímero serão investigadas, como por exemplo, os pesos moleculares médios, distribuições de pesos moleculares e polidispersidades, tamanho de partícula e distribuição de tamanho de partícula.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MONTEZUMA, German Giovanny Chaparro. Investigação experimental da polimerização do estireno mediada por TEMPO (2,2,6,6-Tetrametil-1-Piperidiniloxil) em emulsão. 2011. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Engenharia Química.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.

Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

PROCESSO DE POLIMERIZAÇÃO CONTROLADA DO ESTIRENO EM EMULSÃO, USO DO MESMO E PRODUTO OBTIDO PELO DITO PROCESSO PI1105019-5 - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) . Liliane Maria Ferrareso Lona; German Giovanny Chaparro Montezuma; Sheila Contant - 25 de novembro de 2011