Busca avançada
Ano de início
Entree

Automatização de oráculos de teste para sistemas com saídas complexas

Processo: 12/06474-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2012
Vigência (Término): 15 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Pesquisador responsável:Márcio Eduardo Delamaro
Beneficiário:Rafael Alves Paes de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/01775-6 - Automatização de oráculos de teste para sistemas com saídas complexas, BE.EP.DR
Assunto(s):Síntese de fala   Teste e avaliação de software

Resumo

A definição de oráculos - mecanismos (programa, processo ou dados) utilizados para julgar a correção da execução dos programas em teste - é fundamental para a automatização bem sucedida das atividades de teste de software. A automatização de oráculos não é uma tarefa simples e essa atividade se torna ainda mais custosa quando a decisão a respeito da correção do sistema deve levar em conta saídas complexas como, por exemplo, um arquivo que represente uma mensagem sonora, uma interface gráfica ou um ambiente de Realidade Virtual. Quando são considerados sistemas reativos ou de tempo real como, por exemplo, programas de síntese de voz, nos quais entradas em formato de texto são passadas por um usuário e o sistema é responsável por gerar o sinal sonoro correspondente, a complexidade se torna ainda maior. A literatura é carente de estratégias flexíveis para a automatização de oráculos para esses domínios. Uma possível fonte de informação para a automatização do teste pode ser a extração de características dos sinais sonoros, imagens ou cenas virtuais produzidos pelos sistemas em teste. Tais características servem como fonte de informação para indicar a correção, ou não, das aplicações. Este projeto de doutorado visa à implementação e à geração de insumos para a automatização de oráculos para sistemas cuja saída é dada em formato complexo. A implementação de plugins para domínios específicos para a ferramenta de teste O-FIm (Oracle for Image), desenvolvida em trabalhos anteriores, permite a automatização de oráculos para diferentes domínios de teste como, por exemplo, interfaces gráficas e aplicações Web. A O-FIm utiliza conceitos de CBIR (Recuperação de Imagem Baseada em Conteúdo) como estratégia para automatização de oráculos para domínios particulares. Como resultados do trabalho, espera-se contribuir com a Engenharia de Software por meio de avaliações empíricas e experimentos acerca da aplicabilidade dessa estratégia em sistemas cuja saída é dada em formatos complexos. Além disso, a implementação de plugins para a ferramenta abre a possibilidade de transferência tecnológica entre academia e indústria.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
Oracles de teste para sistemas com saídas complexas - o caso dos sistemas TTS. 2017. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.