Busca avançada
Ano de início
Entree

Resistência à fratura de coroas de Y-TZP confeccionadas com diferentes desenhos de colar cervical

Processo: 13/07404-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2013
Vigência (Término): 30 de setembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Marco Antonio Bottino
Beneficiário:Tainá de Souza Rodrigues
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Coroas dentárias   Porcelana dentária   Zircônia tetragonal policristalina estabilizada com ítrio (Y-TZP)

Resumo

O objetivo deste estudo será verificar o efeito da retirada parcial ou total do colar cervical de coroas com subestrutura de zircônia na resistência à fratura. A partir de bastões de resina epóxica com 12 mm de diâmetro serão usinados 30 preparos para coroa total anterior (incisivo central). Estes preparos serão escaneados e, a partir de blocos de cerâmica a base de zircônia (Vita YZ, Vita Zahnfabrik, Alemanha) serão confeccionados 30 substruturas. Após sinterização, estas substruturas serão escaneadas para que um padrão em resina acrílica (CadWaxx, Vita Zahnfabrik, Alemanha) possa ser desenhado no software do sistema (InLab 3D, Sirona Dental Systems, Alemanha). Este padrão unido à susbstrutura será levado a forno específico para que a cerâmica de cobertura (Vita PM9, Vita Zahnfabrik, Alemanha) possa ser injetada. As coroas totais serão divididas em 3 grupos, variando-se o colar cervical da subestrutura (SE): Gr1 - Colar cervical total; Gr2 - Colar cervical em 180º ; Gr3 - Sem colar cervical. As coroas serão cimentadas em preparos realizados em resina G10 (material análogo à dentina) com dimensões semelhantes a preparos para coroa total em dente anterior. Os espécimes serão submetidos ao teste de resistência à fratura em Máquina de Ensaio Universal (EMIC, São José dos Pinhais, Brasil) com célula de carga de 1000 Kgf e velocidade constante de 1mm/min. Os dados serão analisados por Análise de Variância (ANOVA) e as diferenças por teste Tukey com significância de 95%. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)