Busca avançada
Ano de início
Entree

Atividade anticâncer e anti-inflamatória da própolis vermelha e de seus compostos bioativos.

Processo: 13/24416-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Geral
Pesquisador responsável:João Ernesto de Carvalho
Beneficiário:Thais Petrochelli Banzato
Instituição-sede: Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Paulínia , SP, Brasil
Assunto(s):Compostos bioativos   Anti-inflamatórios   Antineoplásicos

Resumo

Os produtos naturais constituem uma das principais fontes de drogas efetivas no tratamento do câncer e muitas vezes inspiram o desenvolvimento de novos agentes potenciais. Diversos modelos experimentais têm demonstrado ação anticâncer desses compostos através de alterações nas vias de transdução de sinais que modulam a expressão gênica, metabolismo, apoptose, progressão, proliferação e morte celular. A própolis tem sido usada empiricamente como um remédio tradicional na medicina popular há séculos e são relatadas na literatura numerosas propriedades biológicas tais como: atividade antioxidante, antibacteriana, antifúngica, anti-inflamatória e antitumoral. A própolis brasileira apresenta uma constituição química diferenciada, principalmente pela diversidade de espécies vegetais utilizadas para sua produção. Recentemente, foi encontrada no estado de Alagoas a própolis vermelha, que possui na base de sua composição química única os isoflavonoides, sugerindo novas potencialidades biológicas para este novo tipo de própolis. Dessa forma, o atual estudo propõe o fracionamento e isolamento biodirecionado da própolis vermelha, para avaliação in vitro da atividade antiproliferativa em painel de linhagens tumorais humanas e tipo de morte celular, abordando as principais proteínas envolvidas no processo apoptótico. Além disso, será avaliada in vivo a atividade anticâncer, anti-inflamatória, proliferação e morte celular, abordando os principais mediadores pró-inflamatórios, parâmetros de proliferação e apoptose celular.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BANZATO, THAIS P.; GUBIANI, JULIANA R.; BERNARDI, DARLON I.; NOGUEIRA, CLAUDIO R.; MONTEIRO, AFIF F.; JULIANO, FERNANDA F.; DE ALENCAR, SEVERINO M.; PILLI, RONALDO A.; DE LIMA, CAROLINA A.; LONGATO, GIOVANNA B.; FERREIRA, ANTONIO G.; FOGLIO, MARY ANN; DE CARVALHO, JOAO E.; VENDRAMINI-COSTA, DEBORA B.; BERLINCK, ROBERTO G. S. Antiproliferative Flavanoid Dimers Isolated from Brazilian Red Propolis. Journal of Natural Products, v. 83, n. 6, p. 1784-1793, JUN 26 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.